Audax-SP bate Fluminense pela segunda vez na Copinha e avança para as oitavas
Divulgação: Grêmio Osasco Audax-SP

Audax-SP bate Fluminense pela segunda vez na Copinha e avança para as oitavas

Atacante Ramires foi, por mais uma vez, o nome do time paulista; é também um dos artilheiros da competição, com cinco gols marcados

gabriel_oandrea
Gabriel Andrea

Em mais um confronto entre paulistas e carioca pela terceira rodada da Copa São Paulo de Futebol Júnior, Audax e Fluminense mediram forças no Estádio Municipal Prefeito José Liberatti, conhecido também como "Rochdalão", localizado na zona norte do município de Osasco, em São Paulo.

O time de do Audax foi líder no seu grupo com 100% de aproveitamento e depois venceu o Taboão da Serra nos pênaltis por 6 a 5 na segunda fase. Já o Fluminense, na tarde de hoje jogando como visitante, passou na segunda colocação no grupo 23, ganhando dois jogos e perdendo apenas para o próprio time do Audax-SP - adversário de hoje - e depois derrotou o Londrina nos pênaltis por 4 a 3 na segunda fase.

A equipe paulista começou melhor a partida, com bastante presença no ataque, o que incomodava a defesa do Fluminense. A primeira chegada efetiva entre os dois times foi com o Flu, entretanto, aos 10 minutos de jogo. Leandro tentou o chute de canhota na altura do garrafão e a bola passou com perigo sob o gol de Cucato.

De forma bem parecida, o Audax quase marcou o primeiro do jogo depois que Cajuru encontrou Ramires na entrada da área e viu o atacante chutando alto, mas assustando a zaga da equipe do Rio de Janeiro. Na jogada seguinte, em contra ataque, o Fluminense teve uma boa chance com Leandro - que chutou em cima do goleiro do Audax -  e Samuel, que isolou a bola quando tentou o chute de primeira após o rebote de Cucato.

Aos 23 minutos, o torcedor do Fluminense quase gritou pênalti na jogada individual de Dudu pela linha de fundo, porém o árbitro viu apenas falta. Na cobrança, o garoto Leandro colocou a bola na trave, com bastante perigo.

Na marca dos 30 minutos do primeiro tempo, Ramires fez o primeiro do jogo e do Audax-SP, de cabeça, após jogada de bola parada. O atacante fez seu quinto gol na competição e concorre à artilharia do torneio. O gol deu um banho de água fria no Fluminense, que era ligeiramente melhor na partida. Até o final do primeiro tempo, a equipe carioca fez de tudo para tentar o empate nos minutos finais, mas sem êxito.

Na segunda etapa, já aos 3 minutos, Leandro quase marcou o gol de empate para o time de Xerém, mas a bola passou raspando na trave direita do gol do Audax após o chute colocado do atacante.

A grande chance que o time do Rio de Janeiro teve só ocorreu na metade do segundo tempo. Resende perdeu o gol sem goleiro e chutou a bola por cima do gol do goleiro do time de Osasco. Na jogada seguinte de ataque do próprio Fluminense, foi a vez de Samuel desperdiçar boa oportunidade de cabeça, aos 20 minutos.

Em bom contra ataque, o goleiro Heitor se esticou para mandar a bola de Ramires em direção ao escanteio. Chance muito boa teve a equipe de Osasco para ampliar o placar em São Paulo.

Aos 35 do segundo tempo, Cucato fez boa defesa no forte chute de Luiz Henrique. Os minutos finais foram de pressão máxima para o Fluminense, que tentava fazer seu gol a qualquer custo.

Leandro e Dudu tentaram em duas jogadas consecutivas mas chutaram sem perigo ao lado direito do gol do Audax. O time paulista, por sua vez, sabia administrar o jogo com muita qualidade e segurando a bola em sua defesa, evitando deixar espaços abertos entre suas linhas de trás.

E o Audax conseguiu a façanha de bater o Fluminense por duas vezes com muita eficiência. O grande destaque pelo lado do time de Osasco foi o garoto Ramires, autor do gol e um dos artilheiros da competição. A vitória por 1 a 0 foi mais que suficiente para fazer o torcedor do Audax ficar animado e ver seu time avançar novamente de fase na Copinha. Agora o Audax encara o Grêmio, em horário e locais ainda a ser definidos.

VAVEL Logo