Com contrato renovado, Diego celebra permanência no Fla: "Vontade de vencer é enorme"
(Foto: Marcelo Cortes / Flamengo)

Com contrato renovado, Diego celebra permanência no Fla: "Vontade de vencer é enorme"

Camisa 10 assinou novo vínculo até 2020 nessa terça-feira (22), e explicou os motivos que o fizeram optar pela permanência; meia também projetou os desafios na temporada

rafalisboa
Rafael Lisboa

A terça-feira (22) foi importante para Flamengo Diego. O camisa 10 assinou a renovação até dezembro de 2020, tranquilizando a diretoria e os torcedores rubro-negros. Na coletiva após a assinatura, no Ninho do Urubu, o meia expressou a sua felicidade com a permanência prolongada e explicou os motivos que pesaram para continuar no Rubro-Negro:

"Coração cheio de alegria e satisfação de continuar. Alguns momentos foram difíceis. Tive algumas propostas, como a do Orlando City. Me fez refletir. Qualquer decisão eu deveria ter razão para decidir. Com a emoção, pesou o Flamengo. Vontade de vencer é enorme. Sempre respeitei o Flamengo. A conclusão que eu chego é que ainda falta algo a mais que eu ainda possa fazer pelo meu clube. O sentimento foi de a história não terminou. Me posicionei, porque houve outras propostas. A do Orlando era sólida e a longo prazo. Mas a minha relação com o Flamengo é muito forte. Quando me imaginava saindo, não conseguia digerir. Lógico que o desafio me motiva".

Apesar da ótima relação com os torcedores, o atual capitão já foi criticado em alguns momentos durante os dois anos e meio no clube da Gávea. Porém, Diego mostrou confiança em seu futebol e destacou que o Rubro-Negro está acima de qualquer situação:

"Em um clube como o Flamengo que tem a chance de contratar os melhores, vivemos incertezas. Eu sei do meu potencial. Banco de reservas não é confortável, mas o Flamengo está acima de tudo. Procurei respeitar, e depois reconquistei meu espaço".

Para se manter na equipe titular de Abel Braga, o camisa 10 afirmou que poderia até jogar em outra função, escolhida pelo treinador, em função dos vários anos de carreira, mas que ainda não conversou muito sobre isso com Abelão:

uma possibilidade. Conversamos pouco sobre isso (com Abel). O tempo de carreira me dá essa propriedade de jogar em mais funções. Estou disposto. Jogador quer atuar, ser importante. Se precisar recuar ou adiantar, não teria problema".

O Flamengo entrará em campo nessa quarta-feira (23) às 19h15, no Estádio da Cidadania, em Volta Redonda, contra o Resende. A partida será válida pela 2ª rodada da Taça Guanabara e deverá marcar as estreias de Arrascaeta Gabigol pelo Rubro-Negro.

VAVEL Logo