Sem brilho, Palmeiras vence Botafogo-SP na segunda rodada do Paulistão
Foto: Divulgação / Palmeiras 

Sem brilho, Palmeiras vence Botafogo-SP na segunda rodada do Paulistão

Verdão conquistou a primeira vitória no Campeonato Paulista deste ano com oito alterações em relação ao time da estreia

isabella-molina
Isabella Molina
palmeirasFernando Prass; Marcos Rocha, Antonio Carlos, Edu Dracena e Victor Luís; Thiago Santos, Bruno Henrique e Zé Rafael; Gustavo Scarpa (Felipe Melo, min. 69), Deyverson e Dudu (Carlos Eduardo, intervalo). Técnico: Luiz Felipe Scolari
Rodrigo Viana; Lucas Mendes, Plínio, Ednei e Pará; Willian Oliveira e Diones; Pimentinha (Jean Silva, min. 83), Renan Oliveira (Marlon Freitas, min. 70) e Leonan; Bruno Moraes (Rafael Costa, min. 69). Técnico: Léo Condé
Placar1-0, min. 20, Deyverson
INCIDENCIASCampeonato Paulista - 2ª Rodada, Allianz Parque

Palmeiras e Botafogo-SP se enfrentaram na noite desta quarta-feira (23), em partida válida pela segunda rodada do Campeonato Paulista, no Allianz Parque. O Verdão venceu a partida por 1 a 0, com gol de Deyverson.

Logo nos primeiros segundos do jogo, Dudu quase abriu o placar para o Alviverde. Recebeu na área, mas caiu e não conseguiu finalizar. Aos oito minutos, Gustavo Scarpa, ao receber de Dudu, cruzou a bola e Edu Dracena desviou de cabeça, quase marcando para o Verdão.

O Botafogo teve sua primeira chance aos 16 minutos. No contra-ataque, Leonan recebeu na grande área e bateu forte, mas Dracena conseguiu desviar.

O único gol da noite saiu aos 20 minutos. Em cobrança de falta, Scarpa lançou para Bruno Henrique, que bateu forte. No rebote do goleiro, Deyverson abriu o placar para o Palmeiras. Aos 25, o Tricolor teve a chance do empate. Pará cobrou falta e o goleiro Fernando Prass fez uma ótima defesa.

A segunda etapa da partida também teve muitas chances, mas nenhuma das equipes conseguiu marcar. Fernando Prass salvou o Verdão novamente em cobrança de falta, aos 27 minutos. Pará bateu cruzado e Willian Oliveira cabeceou, mas o goleiro espalmou.

Deyverson teve a chance de fazer o seu segundo aos 32 minutos do segundo tempo. O atacante aproveitou o bate-rebate na área, mas, ao tentar driblar o goleiro, perdeu a chance. Aos 36 minutos, Plínio derrubou Carlos Eduardo na grande área e o juiz marca pênalti a favor do Palmeiras. Bruno Henrique bateu no meio do gol, e o goleiro Rodrigo Viana defendeu com os pés. Apesar disso, o time da casa garantiu a vitória pelo placar mínimo.

Esta foi a primeira vitória do Palmeiras no Paulistão de 2019. Em relação ao time da estreia, que empatou com o Red Bull Brasil, o técnico Luiz Felipe Scolari manteve apenas três jogadores: Dudu, Thiago Santos e Scarpa.

O próximo compromisso do Palmeiras é contra o São Caetano, fora de casa, no domingo (27). Na segunda-feira (28), o Botafogo-SP fecha a rodada diante da Ferroviária, em casa, às 20h.

MEDIA: 4.7VOTES: 3
VAVEL Logo