Fernando Diniz elogia atuação do Fluminense: “A vitória
mostra um time sólido”
FOTO: LUCAS MERÇON / FLUMINENSE F.C.

Fernando Diniz elogia atuação do Fluminense: “A vitória mostra um time sólido”

No entanto, o treinador alertou que é preciso manter os pés no chão para a sequência do campeonato 

jessicaalbuquerque
Jéssica Albuquerque

O técnico do Fluminense, Fernando Diniz, concedeu entrevista após a vitória do Tricolor sobre o Americano por 4 a 0. O treinador gostou da atuação da equipe, mas afirmou que é preciso manter os pés no chão.

Primeira coisa é ter o pé no chão. No segundo tempo contra o Volta Redonda, a equipe já tinha produzido bem. Hoje produzimos mais e não oferecemos chance ao Americano, um time que joga muito tempo. É só ver os acessos deles. A gente sabia que tinha de ter cuidado. Além de fazer os quatro gols, não oferecemos chance ao adversário” disse o treinador.

O treinador também destacou a atuação do coletivo, afirmando que todos os jogadores foram bem na partida. E definiu o time como sólido.

As atuações individuais, não só o Yony. Luciano, Everaldo, Daniel, Bruno Silva... Hoje não dá para apontar um jogador que tenha ido mal. Isso mostra um time sólido, mas repito: tem de deixar o pé bastante no chão. A nossa escalada está no começo”.

Para esta partida, o treinador pôde contar com jogadores que foram regularizados. Foram eles: Yony González, Marlon, Mateus Gonçalves, Caio Henrique, Luiz Fernando e Nathan Ribeiro.

Confio muito no elenco que temos. O que aconteceu é que treinamos com esse time, foi a base da pré-temporada. Em cima da hora tivemos que colocar uma equipe sem treinamento para jogar a estreia. Isso dificulta. Com todos à disposição, a equipe ganha qualidade e peças de reposição”.

Fernando Diniz afirmou que a vitória dá mais tranquilidade para o próximo jogo. E que a equipe irá fazer o máximo para trazer outros bons resultados.

Sabemos que a cultura é resultadista. Mas ao mesmo tempo as pessoas estão conscientes do trabalho que está tendo. Vamos tentar entregar os resultados, mas, se algum dia não vier, tem que ter paciência. Vamos fazer o máximo”.

Uma das características de seu estilo de jogo, são os passes curtos. E o treinador afirmou que é apenas uma questão de adaptação dos jogadores.

Estamos fazendo isso aqui no Fluminense, apesar do pouco tempo. Não ficamos correndo riscos desnecessários, o Rodolfo chutou muitas bolas para frente, assim como Matheus Ferraz e Ibañez. É uma questão de adaptação, vão se sentir mais confortáveis com o tempo. Sair com passes curtos facilita na construção do gol”.

Fernando Diniz também elogiou o meia Daniel, que, segundo ele, foi melhor nesta partida do que na estreia, contra o Volta Redonda. Mas ressaltou que é preciso qualificar o elenco.

Um bom jogador sempre tem espaço. Hoje o Daniel foi bem, na estreia nem tanto. Precisamos ter jogadores para mudar. A temporada é muito grande. Temos que, se possível, qualificar o elenco. Um bom jogador é sempre bem vindo” finalizou.

A próxima partida do Fluminense será no domingo (27), contra a Portuguesa, no Maracanã, às 17h (de Brasília). O confronto é válido pela 3ª rodada da Taça Guanabara. O Tricolor é o segundo colocado do grupo B, com quatro pontos.

VAVEL Logo