Internacional sai na frente, mas perde pênalti e empata com Veranópolis
Foto: Ricardo Duarte/Internacional

Internacional sai na frente, mas perde pênalti e empata com Veranópolis

Fora de casa, Nico López colocou Colorado em vantagem, mas equipe não segurou o placar

ritielimoura
Ritieli Moura

O Internacional chegou a terceira partida sem vitória no Gauchão. Jogando a equipe considerada titular, empatou com o Veranópolis, no Antônio David Farina, em 1 a 1. Nico López colocou o Colorado na frente, mas Macena deixou tudo igual.

Com a bola rolando, a equipe da casa foi ao ataque. Logo no primeiro minuto, Fabrício Lusa aproveitou bola mal afastada pela zaga colorada e arriscou, mandando para fora. Aos 5, Bovi recebeu de Raphael e avançou, cruzando na área. Cuesta tirou mal, mas a defesa conseguiu afastar o perigo.

O Inter teve um gol anulado aos 8 minutos. Bruno cruzou, Iago dividiu com a zaga e mandou para área, no caminho a bola pegou efeito e enganou o goleiro, que saiu para a disputa com Edenilson. De olho no lance, Pottker dominou e mandou para o gol, mas a arbitragem marcou impedimento do volante. Na resposta, Macena avançou pelo meio e mandou a bola na trave. Em seguida, o atacante colocou a bola na área, mas Juba furou e Marcelo Lomba ficou com ela.

Aos 31 minutos, o Colorado levou perigo com Rodrigo Dourado. O volante tabelou com D'Alessandro, dividiu com o goleiro Reynaldo e conseguiu tocar por cima, mas Geninho salvou em cima da linha. Aos 34, Túlio Renan se livrou de Moledo e cruzou na área, para Macena, mas Bruno apareceu para tirar o perigo. No final do primeiro tempo, o Veranópolis reclamou de pênalti após contato se Túlio Renan com Moledo na área, mas o árbitro mandou seguir. Antes do encerramento da etapa, Juba arriscou de dentro da área, mas Cuesta apareceu para bloquear.

Na segunda etapa, já aos 15 minutos, D'Alessandro foi parado com falta. Na cobrança, ele mandou para fora, mas com muito perigo. Aos 18, Trellez escorou para Nico Lopez, que mandou de primeira para fora.

O gol Colorado saiu aos 29, quando Edenilson tabelou com Nico López, invadiu a área e cruzou. A bola sobrou para Dourado, que tentou duas vezes. Após bate e rebate, Nico López apareceu e mandou para o fundo do gol.

Aos 34, a bola bateu na mão de Lito na área e a arbitragem marcou pênalti para o Inter. Na cobrança, Rafael Sóbis cobrou no meio do gol e Reynaldo defendeu. No rebote, o atacante mandou na trave.

O Veranópolis empatou três minutos depois. Juba tabelou com Juninho e cruzou para Macena, livre na área, marcar o gol de empate.

Com o empate o Inter segue na sétima colocação, com quatro pontos. Na segunda-feira (4), a equipe recebe o Brasil de Pelotas, às 20h40, no Beira-Rio. O Veranópolis é nono colocado, com três pontos. Na próxima rodada enfrenta o São José, as 18h de domingo (3), no Passo D'Areia.

VAVEL Logo