Mano analisa empate do Cruzeiro contra o Boa Esporte: "Não soubemos ganhar"
(Foto: Vinnicius Silva/Cruzeiro E.C)

Mano analisa empate do Cruzeiro contra o Boa Esporte: "Não soubemos ganhar"

Apesar do empate, treinador aprovou a estreia do meia-atacante Marquinhos Gabriel

leo-moura
Leonardo Almeida

O Cruzeiro empatou com o Boa Esporte em 2 a 2 nesta quinta-feira (31), em Varginha, pela quarta rodada do Campeonato Mineiro. A equipe azul esteve na frente do placar em dois momentos. O técnico Mano Menezes afirmou à imprensa a equipe não soube ganhar.

"Bom jogo, primeiro tempo muito bom. Segundo tempo com dois erros fatais. Adversário chutou duas vezes, fez dois gols. Teve méritos, mas tínhamos um jogo completamente controlado. Não soubemos ganhar a partida, principalmente com as vantagens. A primeira com condição melhor, e a segunda, depois do 2 a 1, pouco de falta de posicionamento e cobertura. Adversário fez jogadas com velocidade em cima dos laterais e você tem que fazer leitura disso. Tomamos o segundo gol pela falta de cuidado, dentro do balanceamento defensivo, como tem que ser feito. Nossa equipe toma poucos gols e só não tomou em uma partida. Esses ajustes são normais, Mas agora está na hora de acabar", disse

Aos 33' do segundo tempo, o zagueiro Murilo recebeu o segundo amarelo e acabou expulso, contabilizando o vermelho consecutivo de um zagueiro na equipe celeste. Perguntando se este fator preocupa, Mano  reconheceu como correta a atitude do árbitro.

"Não tem nada anormal. Acho que a expulsão foi justa, e a gente aborda as questões objetivas. Um central não pode tomar amarelo por atrapalhar reposição do goleiro. Depois pode fazer falta. Depois pode precisar abordagem um contra um, foi o que o Murilo fez, e o árbitro apresenta o segundo amarelo. E é justo que apresente amarelo. Nossa equipe tem muita qualidade técnica. Nós não podemos vir a Varginha, faz dois gols e não levar a vitória", afirmou.

Por fim, o treinador do Cruzeiro comentou ainda sobre a estreia do meia-atacante Marquinhos Gabriel, que criou algumas boas jogadas para gol.

“Boa, muito boa. Fez a função. Recebeu uma tarefa e fez bem. Foi o ponta a ponta. Ganhamos um jogador novo, com características diferentes, para dar amplitude ao jogo, puxando com a perna esquerda, o que a gente não tinha”, finalizou.

A Raposa agora volta a campo no próximo domingo (3), às 17h, em Nova Lima contra o lanterna Vila Nova, pela quinta rodada do campeonato regional.

VAVEL Logo