0-1, min 1, William Matheus
Na reestreia oficial de Hernanes, São Paulo perde em casa para Guarani
Foto: Rubens Chiri/São Paulo FC

Na reestreia oficial de Hernanes, São Paulo perde em casa para Guarani

Tricolor chegou a sua segunda derrota consecutiva na competição, mas segue na liderança do Grupo B

carlos-borges
Carlos Borges
sao-pauloTiago Volpi, Bruno Peres, Arboleda, Anderson Martins (Hernanes, aos 18/2ºT), Reinaldo; Jucilei (Hudson, aos 26/1ºT), Liziero; Helinho (Nenê, aos 27/2ºT) Diego Souza, Everton; Pablo. Técnico: André Jardine.
GuaraniKléver, Léo Príncipe, Diego Giaretta, Ferreira, William Matheus; Romisson, Ricardinho; Thiago Ribeiro (Fernando Viana, aos 29/2ºT), Lucas Crispim, Felipe Amorim (Inácio, aos 34/2ºT); Diego Cardoso (Fernandes, aos 46/2ºT). Técnico: Osmar Loss.
INCIDENCIASCampeonato Paulista, 4ª rodada, Pacaembu (São Paulo-SP)

São Paulo e Guarani se enfrentaram pela quarta rodada do Campeonato Paulista nesta quinta-feira (31), às 21h, no Pacaembu. O Bugre surpreendeu e derrotou o Tricolor pelo placar de 1 a 0.

A partida começou agitada. Logo no primeiro minuto de jogo, o Guarani abriu o placar. Felipe Amorim bateu escanteio e William Matheus desviou de cabeça, e Tiago Volpi não conseguiu segurar a bola. Os donos da casa reagiram aos quatro minutos, com Everton. O atacante recebeu bom cruzamento de Bruno Peres e cabeceou, mas Kléver defendeu. Na cobrança de escanteio, a bola bateu na mão de Thiago Ribeiro e os jogadores do São Paulo pediram pênalti, mas o árbitro mandou o jogo seguir.

O Tricolor só foi criar uma nova chance aos 20 minutos, após Reinaldo acertar o travessão em cobrança de falta. Aos 26, Jucilei teve que ser substituído após sentir dores no pé direito.

No final da primeira etapa, o São Paulo teve mais chances para empatar. A primeira foi com Helinho, que chutou cruzado após excelente cruzamento de Everton, mas mandou para fora. Aos 41, os donos da casa marcaram, mas Pablo estava impedido após completar o rebote e o gol foi corretamente anulado. Na sequência, a zaga do Guarani vacilou e Diego Souza quase empatou, após finalizar dentro da área.

O Time do Morumbi insistiu em cruzamentos na segunda etapa, mas sem eficiência nas tentativas. A primeira chance real de gol no segundo tempo aconteceu somente aos 21 minutos. Após cruzamento de Everton, Diego Souza cabeceou e Kléver defendeu e, no rebote, o atacante chutou para fora com o gol aberto.

Aos 32, Liziero sentiu lesão e teve que sair de campo. André Jardine já tinha feito as três alterações e ficou com dez jogadores em campo. Na sequência, o São Paulo reclamara mais uma vez de pênalti, depois de Everton chutar em cima do zagueiro do Bugre. O Tricolor chegou mais uma vez perto do empate, dessa vez com Hernanes. Nenê lançou e Diego Souza ajeitou para o meia chutar com força. Kléver, mais uma vez, defendeu e evitou o empate.

Mesmo com a derrota, o São Paulo continua na liderança do Grupo D, somando seis pontos. O Guarani chegou a sua segunda vitória no Campeonato Paulista, mas ainda continua fora da zona de classificação para a fase mata-mata do Grupo B.

O próximo compromisso do Tricolor no Paulistão é diante o São Bento, no próximo domingo (3), no Pacaembu, às 17h. Já o Bugre encara o Mirassol, também no domingo, fora de casa, às 11h.

MEDIA: 4.5VOTES: 2
VAVEL Logo