Ídolo da torcida do Vasco, Maxi López fala de sua adaptação e projeta 2019
(Foto: Divulgação/Vasco da Gama)

Ídolo da torcida do Vasco, Maxi López fala de sua adaptação e projeta 2019

Em entrevista ao site oficial do clube, o argentino revelou alguns detalhes da sua vida no Rio de Janeiro e no clube

saulojunior
Saulo Junior

Desde que chegou, em julho de 2018, Maxi López recebeu um enorme carinho da torcida do Vasco. Teve seu nome cantado pela torcida antes mesmo de entrar em campo pela primeira vez. 

Depois que fez sua estreia, esse carinho só aumentou. Com 7 gols e 6 assistências, o argentino foi peça fundamental para o Almirante se livrar do rebaixamento na última temporada.

O centroavante espera que 2019 seja um ano bem diferente do primeiro ano que esteve em São Januário: "Estou muito confiante, pois ficou o mesmo treinador e a base do time se tornou mais forte. Ainda podemos melhorar, precisamos evoluir em algumas coisinhas ainda, mas vejo esse início de uma forma bastante positiva. Queremos fazer um ano muito melhor do que foi no ano passado".

Quando perguntado sobre sua relação com a torcida, nem mesmo ele soube esclarecer esse fenômeno: "Eu não sei explicar o carinho da torcida e o motivo de ter me adaptado tão rápido ao Vasco. Ano passado foi muito positivo dentro de campo para mim, mas acho que todo essa boa relação existe porque não sou um fake. Eu sou um cara autêntico e que fala com sente sempre, dentro ou fora de campo. Eu virei uma pessoa importante para o time por ser um dos caras menos jovens e com bastante experiência. Quando eu cheguei, estava com muita vontade de mudar as coisas. Não conseguia admitir que um time tão importante como o Vasco estivesse naquela situação".

Por fim, Maxi falou sobre os garotos da base e sua fama de paizão: "É fundamental passar a confiança para os mais jovens. Quando eu era da idade deles e estava começando, as palavras e os conselhos dos mais velhos foram muito importantes, principalmente porque o profissional é diferente, existem muitas coisas que é preciso aprender. Eu tento de ficar perto dessa garotada, acho legal, é maneiro. Tenho buscado entrosá-los o mais rápido possível no nosso time".

Maxi López ainda não entrou em campo nesta temporada e deve fazer sua estreia hoje, às 19h, contra o Fluminense no estádio Mané Garrincha.

VAVEL Logo