Ponte Preta derrota São
Paulo e aumenta pressão sob Jardine
Rubens Chiri / São Paulo FC 

Ponte Preta derrota São Paulo e aumenta pressão sob Jardine

Tricolor teve espaço no primeiro tempo, mas caiu de rendimento na segunda etapa do jogo

isabella-molina
Isabella Molina
ponte-pretaIvan; Arnaldo (Luis Ricardo, min. 58), Renan Fonseca, Reginaldo e Diego Renan; Nathan, Igor Henrique, Gerson Magrão e Matheus Vargas; Matheus Oliveira e Thalles (Hugo Cabral, min. 73). Técnico: João Paulo Sanches
São PauloTiago Volpi; Araruna, Arboleda, Bruno Alves e Reinaldo; Willian Farias, Hernanes (Igor Vinícius, min. 60) e Nenê; Antony, Gonzalo Carneiro (Diego Souza, min. 63) e Everton (Biro Biro, min. 68). Técnico: André Jardine
Placar1-0, min. 77, Hugo Cabral.
INCIDENCIASCampeonato Paulista – sexta rodada, Estádio Moisés Lucarelli

Ponte Preta e São Paulo se enfrentaram neste sábado (9), no Estádio Moisés Lucarelli. A Macaca venceu a partida por 1 a 0.

O primeiro tempo teve algumas chances para o Tricolor Paulista, principalmente na segunda metade, quando a Ponte Preta diminuiu o ritmo e o visitante conseguiu mais espaço para jogar.

Logo no primeiro minuto, a Macaca fez a primeira finalização. Matheus Oliveira bateu de fora da área e chutou para fora. Aos 8 minutos, foi a vez do São Paulo ter sua primeira chance. Antony cruzou a bola na área, mas Renan tirou o perigo.

Aos 28, Araruna perdeu a bola na defesa, mas a Ponte desperdiçou a chance.

Aos 34 minutos, Reinaldo chutou com muita força e mandou direto para a linha de fundo. Quatro minutos depois, o lateral cruzou e Bruno Alves finalizou, mas a bola foi por cima do gol.

No final da primeira etapa, o meia Nenê cruzou para Arboleda, que cabeceou para fora.

No segundo tempo, principalmente após a entrada do lateral-direito Luis Ricardo, aos 13 minutos, a Ponte apresentou melhora, com mais chances de gols.

Aos 18, o lateral cruzou, mas Arboleda fura Thalles, que cabeceia para fora. Cinco minutos depois, o jogador cruzou novamente e a bola sobrou para Diego Renan. Após novo cruzamento, ninguém da ponte aproveitou a chance.

O único gol da noite saiu aos 32 minutos, quando Gerson Magrão cruzou fechado e Renan Fonseca desviou. Hugo Cabral antecipou e abriu o placar para a Macaca.

O Tricolor tentou a resposta três minutos depois, em lance de bate e rebate, mas não conseguiu acertar o alvo.

É a segunda derrota seguida do São Paulo, o que aumenta a pressão sob o técnico André Jardine.

O próximo compromisso da Ponte Preta é contra o Novorizontino, dia 16, às 21h, fora de casa. Já o São Paulo, enfrenta o Corinthians, também fora, no dia seguinte, às 19h.

MEDIA: 5VOTES: 2
VAVEL Logo