Athletico vence Cianorte, mas é eliminado no primeiro turno do Paranaense
Foto: Divulgação/Twitter Oficial Athletico

Athletico vence Cianorte, mas é eliminado no primeiro turno do Paranaense

Equipe rubro-negra precisava de uma combinação de resultados para se classificar, mas não teve sorte apesar de vitória por 1 a 0 na Arena da Baixada

matheus-gabriel
Matheus Gabriel
Athletico-PRLeo, Robson Bambu, Lucas Halter, Nicolas, e Reginaldo (Bruno Leite); Christian, Renzo, Marquinho e Demethryus; Bill (Julian) e Bergson (Gabriel Poveda)
Silvio, Breno, Montoya, Maurício e Willian Formiga (Matheus Nêgo); Joveny, Guioto e Rafael Carrilho; Paulinho (Filipe Ramon), Fernandinho e Madalena (Rafael Xavier)

O Athletico recebeu o Cianorte, na tarde deste domingo (10), na Arena da Baixada, pela última rodada da fase de grupos do primeiro turno do Campeonato Paranaense. A vitória por 1 a 0 não foi o suficiente para classificar a equipe para a semifinal da Taça Barcímio Sicupira Júnior.

Com a vantagem de jogar diante de sua torcida, a jovem equipe de aspirantes comandada por Rafael Guanaes foi pra cima do Cianorte desde o início da partida. Mas a falta de criatividade fez com que o Furacão não encontrasse o caminho do gol. Poveda de Demethryus tiveram boas chances, mas sem sucesso. A equipe atuou de forma diferente, num 3-4-3, com Nicolas na zaga e Renzo na esquerda. O Cianorte pouco criou e quase não saiu do campo de defesa no primeiro tempo.

Já na segunda etapa, a equipe visitante tentou uma reação, mas Jovany ficou no quase em uma cabeçada dentro da pequena área. O Athletico então tentou mudar a história do jogo, e começou a criar boas chances. O resultado veio quando Bruno Leite acertou bom chute, no cantinho, e abriu o placar, marcando seu primeiro gol como profissional. As duas equipes continuaram sem criar muito, e o placar ficou por isso mesmo. As duas equipes foram eliminadas do primeiro turno do Campeonato Paranaense.

O Athletico terminou a fase de grupos na quinta colocação do Grupo A, com oito pontos, sendo duas vitórias, dois empates e duas derrotas. Já o Cianorte ficou em quarto no Grupo B, com sete pontos, sendo uma vitória, quatro empates e apenas uma derrota.

Agora, o Furacão terá quase um mês para treinar, até a estreia na fase de grupos da Libertadores, contra o Tolima, fora de casa, no dia 5 de março. O Cianorte também terá um grande tempo de preparação até o próximo jogo, contra o Coritiba em casa, dia 10 de março, pela segunda fase do Campeonato Paranaense.

VAVEL Logo