Análise: Vasco fica com título apesar de predominância do Fluminense em campo
Foto: Reprodução/Vasco

Análise: Vasco fica com título apesar de predominância do Fluminense em campo

Mesmo com título, Vasco sai mais uma vez devendo, já o Fluminense tende a continuar evoluindo

italo-bruno
Ítalo Bruno

O Vasco fecha a Taça Guanabara de forma invicta.  A conquista do título neste domingo (17), diante do Fluminense, mostrou mais uma partida fraca do time da colina, mas que acabou coroando a equipe com título do primeiro turno do Estadual. 

Longe de ser um jogo brilhante tecnicamente, o resultado sequer diz o que realmente foi o jogo. Um primeiro tempo sonolento e que se alguém atuava melhor era o Tricolor das Laranjeiras, que pressionava o Cruzmaltino e conseguia conduzir com êxito a sua estratégia, diante de um adversário que não conseguia se organizar na sua saída de bola.

O segundo tempo veio e o Flu permanecia melhor, jogando até mais que na primeira etapa. Mas com a pontaria um tanto descalibrada, não obteve o mesmo sucesso que teve nos acréscimos diante do Flamengo, na última quinta-feira.

O Vasco por mais uma partida sofria com a falta de criação. Tanto que o seu gol aos 36 minutos, veio de um lance isolado; Danilo Barcelos cobrou falta lateral, a bola foi passando por todo mundo, até passar por Rodolfo e também pela linha do gol e concretizar o "gol achado" do time de Alberto Valentim. 

Se valendo do argumento que Campeonato Carioca é momento de ajustes na equipe e seus turnos nada ou pouco valem, o torcedor do Fluminense se anima com o bom início de trabalho de Fernando Diniz, que ainda espera por Ganso e Pedro para aumentar seu poderio ofensivo. Já o campeão Vasco deixa seu torcedor mais uma vez com o alerta ligado, mesmo com título, já que não há evolução alguma na equipe cruzmaltina. 

VAVEL Logo