Werley admite favoritismo do Vasco contra Serra-ES, mas frisa: “Futebol se resolve em campo”
(Foto: Carlos Gregório Jr/Vasco da Gama)

Werley admite favoritismo do Vasco contra Serra-ES, mas frisa: “Futebol se resolve em campo”

Zagueiro ainda lembrou que há possibilidade de pênaltis em caso de empate, o bom gramado do Kleber Andrade e o desgaste com a sequência de partidas

yannrodrigues
Yann Rodrigues

Depois de conquistar a Taça Guanabara no último domingo (17), o Vasco volta suas atenções para a segunda fase da Copa do Brasil. Nesta quarta-feira (20), o Gigante da Colina estará no Espírito Santo para encarar o Serra, pela competição. 

Na tarde desta terça-feira (19) o elenco chegou à cidade e fez o reconhecimento do gramado do estádio Kleber Andrade em Cariacica, completando sua última atividade antes do confronto. 

O zagueiro Werley falou à imprensa e lembrou que o Vasco tem que assumir o favoritismo, mas elogiou o rival e prometeu imposição da equipe: “A gente tem que assumir o favoritismo por se tratar de uma equipe gigante, mas o futebol se resolve em campo. O Serra tem uma boa equipe e vamos nos impor para sairmos classificados, que é o nosso objetivo para seguir dando alegrias ao torcedor”

Na primeira fase, diante do Juazeirense, o Cruzmaltino passou pois tinha a vantagem do empate. Na segunda etapa da competição, caso o jogo termine com igualdade no marcador a decisão vai para os pênaltis. 

O defensor citou ser o jogo da vida do rival, mas afirmou ser o do clube carioca também: “O empate não nos classifica mais. A gente vem para vencer o jogo. O Vasco sempre entra para ganhar. É o jogo da vida do Serra e é o nosso também. Queremos dar sequência nessa competição, pois temos o objetivo de sermos campeões”

Se contra o time de Juazeiro o gramado não ajudou, contra os capixabas a expectativa é outra, já que segundo Werley o time terá oportunidade de fazer um jogo melhor.

“Facilita muito porque nosso jogo é de posse de bola. Contra a Juazeirense fomos prejudicados e não conseguimos fazer o que o Alberto nos pede. Amanhã um campo diferente que vai nos dar oportunidade de fazer um grande jogo”

A maratona de jogos pode ser uma adversidade para o elenco da equipe de São Januário. O camisa 34 ressaltou o fato de jogar perto do Rio, além de citar que sono e alimentação ajudam bastante na recuperação física. 

“Por ser perto é sempre bom, pois é um jogo atrás do outro. O pessoal da fisiologia tem feito de tudo para deixar a gente em condições. O treinamento de hoje deve ser bem curto. Temos que nos alimentar bem, o sono é importante e tudo isso contribui bastante para a recuperação”

Outros trechos: 

Estádio cheio de vascaínos 

Nossa torcida é espetacular. Foi assim em Juazeiro e tenho certeza que será aqui também. Outros jogadores que viera com o Vasco já falavam que tem muito torcedor aqui. Domingo, contra o Fluminense, depois que a torcida chegou empurrou muito o time e fez a diferença.

Destaques do Serra-ES

É uma equipe bem organizada, um camisa 10 inteligente, um atacante alto, chato... Mas temos o objetivo de conquistar esse torneio e precisamos sair classificados.

VAVEL Logo