Vasco recebe Avaí em São Januário pela terceira fase da Copa do Brasil
Foto: Rafael Ribeiro/Vasco

Vasco recebe Avaí em São Januário pela terceira fase da Copa do Brasil

As equipes duelam no Rio de Janeiro pelo primeiro jogo da terceira fase da competição 

jullianapaulino
Julliana Paulino
VascoFernando Miguel; Cáceres, Werley, Castán e Danilo Barcelos; Lucas Mineiro, Thiago Galhardo, Pikcahu, Bruno César e Rossi (Marrony); Maxi López. Técnico: Alberto Valentim
AvaíGledson; Alex Silva, Marquinhos Silva, Betão e Iury; Ricardo, Matheus Barbosa e Pedro Castro; João Paulo, Getúlio e Daniel Amorim. Técnico: Geninho
INCIDENCIASPartida de ida da terceira fase da Copa do Brasil 2019, no Estádio São Januário, no Rio de Janeiro; a partida começa às 21h30 (horário de Brasília)

Em busca de levar um bom resultado para decidir em casa, o destino do Avaí nesta quinta-feira (14), é o estádio de São Januário no Rio de Janeiro. A equipe azurra enfrenta o Vasco da Gama pelo primeiro jogo da terceira fase da Copa do Brasil, às 21h30

Com mais de seis mil ingressos vendidos, os torcedores cruzmaltino têm boas recordações contra a equipe catarinense. Na conquista inédita da competição em 2011, o clube carioca teve o Avaí como adversário na semifinal. Na época, o time de Floripa também jogou a primeira partida fora, mas acabou levando dois gols dentro de casa (placar 2 a 0), e foi eliminado.

Mesmo se encontrando mais cedo na competição desta vez, oito anos depois o Leão da Ilha pode fazer diferente e conseguir eliminar o Gigante da Colina no torneio mais bem pago do Brasil. Para isso, o técnico Geninho já sabe em quais pontos a equipe catarinense deve se atentar. 

“Sabemos o que o Vasco faz, é um time muito veloz. Não é à toa que está invicto em 2019 e já conquistou a Taça Guanabara, talvez seja hoje melhor equipe do Rio de Janeiro hoje. Temos que fazer um bom jogo, um jogo de sacrifício, com uma marcação forte, mas não podemos abrir mão de jogar. Se for lá e ficar só marcando o Vasco, dai perdemos a chance de trazer um resultado positivo. Eles precisam se sentir ameaçados, não podemos deixar só eles jogarem”, afirmou o técnico. 

O comandante quer fortalecer a marcação do Avaí no meio de campo e pretende contar com a mesma linha defensiva dos últimos jogos. Segundo o técnico, a modificação no meio permite maior pressão e visa também uma boa saída de bola. Na quarta-feira (13), Geninho comandou a equipe em um treino tático e de bolas paradas.

Apesar da ansiedade da nação avaiana em ver Douglas estreando pelo manto azurra, o treinador afirmou que o camisa 10 não deve ser relacionado para o primeiro confronto contra o Vasco.

"Douglas não viaja para o Rio, provavelmente ele passa a ser utilizado a partir de domingo. Fez apenas um coletivo, trabalhou com bola hoje e o pessoal que ficar aqui fará na quinta-feira um coletivo contra o time sub-20 para dar ritmo". 

Pelo lado do Gigante da Colina, o técnico Alberto Valentim quer a vitória como homenagem a Eurico Miranda,  ex-presidente do Vasco que faleceu nesta semana. Valentim já foi jogador do Geninho e diz conhecer sua estratégia para cada jogo, por isso pede foco dos atletas. O goleiro Fernando Miguel também cobrou esforço do time. 

“Temos que trabalhar com muita seriedade e empenho, pois a nossa equipe tem condições de fazer um grande jogo e dar um passo importante para a classificação. O Avaí tem qualidade, mas se quisermos nos classificarmos é muito importante fazermos um duelo perfeito em nossa casa. Temos que conquistar os gols e de preferência abrir alguma vantagem, mesmo diante de um bom time como é o Avaí”, afirmou o arqueiro. 

Na atual política da competição, os gols fora de casa não valem mais como critério de desempate ou vantagem. 

MEDIA: 5VOTES: 1
VAVEL Logo