Athletico vence Foz do Iguaçu, avança à próxima fase e mantém 100% no returno do Paranaense
Foto: Divulgação/Site Oficial CAP

Athletico vence Foz do Iguaçu, avança à próxima fase e mantém 100% no returno do Paranaense

Furacão venceu as quatro partidas da Taça Dirceu Krüger

matheus-gabriel
Matheus Gabriel

O Athletico recebeu o Foz do Iguaçu, na tarde deste sábado (23), na Arena da Baixada, em jogo válido pela quarta rodada da Taça Dirceu Krüger. A quarta vitória em sequência veio sem o mesmo brilho das últimas atuações, onde o Furacão marcou 16 gols em 3 jogos. Dessa vez, o placar foi mais magro: 2 a 0. A vitória garantiu uma vaga ao rubro-negro na semifinal da competição.

A equipe visitante tentou ser mais agressiva logo no início do jogo, já que precisava da vitória para tentar escapar do rebaixamento, e quase conseguiu abrir o placar aos nove da primeira etapa, quando Éder recuou para Léo, na fogueira. A bola sobrou para Juninho que perdeu um gol incrível, sem goleiro. Mas a resposta do Athletico não demorou. Aos 13 minutos Vitinho cruzou e Léo Cittadini aproveitou a falha da defesa para bater firme. Algumas outras chances surgiram para os dois lado, com Bill, Vitinho e Marquinho, mas o placar ao fim do primeiro tempo continuou mostrando 1 a 0 para o Furacão.

Dessa vez, mais desesperado ainda, o Foz surpreendentemente tentou jogar de forma mais cautelosa, e com o Athletico não conseguindo criar muito, a equipe visitante tentou arriscar. E teve sucesso. Matheus Guerreiro bateu cruzado e a bola desviou em Éder, enganando o goleiro Léo e morrer no fundo da rede. Tentando buscar a vitória, Guanaes preparou três substituições: Erick, Jaderson e Matheus Anjos. O volume de jogo ficou muito intenso e o gol da vitória surgiu aos 31 da segunda etapa, quando Marquinho aproveitou contra-ataque e bateu com categoria, colocando o Furacão na semifinal.

O Athletico ainda enfrenta o Londrina, na última rodada do returno, fora de casa, domingo (31), às 16h. Já o Foz torce por um milagre para se manter na primeira divisão do Paranaense. A equipe precisa de uma vitória na próxima rodada, contra o Operário, em casa, também no domingo (31), às 16h, e também de tropeços dos concorrentes diretos. Se o Londrina pontuar neste domingo (23), contra o Toledo, o Foz está automaticamente rebaixado.

VAVEL Logo