Botafogo enfrenta Americano precisando de um milagre para avançar às semis da Taça Rio
Foto: Vitor Silva / SSPress / Botafogo

Neste domingo (24), às 16h (de Brasília), Botafogo e Americano entram no gramado do Estádio Elcyr Resende de Mendonça, em Saquarema, em duelo válido pela sexta e última rodada da Taça Rio. Mesmo com objetivos diferentes dentro da competição, ambos os time precisam vencer seus jogos e torcer para outro (s) resultado para conseguirem concluí-los. 

Um milagre. O Botafogo precisa literalmente que tudo dê certo para conseguir se classificar para a semifinal da Taça Rio. Na quarta posição do Grupo B com oito pontos, o Glorioso terá que triunfar diante do Americano, torcer para que o Flamengo perca para o Fluminense e também contar com um tropeço da Cabofriense diante do Madureira. Além disso, necessita tirar uma diferença de quatro e três gols para as duas equipes.

A situação do Americano também é complicada, mas bem menos que a do Alvinegro. Na penúltima posição da classificação geral com cinco pontos, o time de Josué Teixeira entra em campo tendo que bater o Botafogo e torcendo para que o Madureira não vença a Cabofriense, para que assim escape do descenso no Campeonato Carioca.

Botafogo

Vindo de uma boa vitória por 4 a 1 sobre a Portuguesa, o Glorioso deve ir à Bacaxá com a mesma escalação da última partida. Sem contar com Joel Carli (recuperando-se de cirurgia no joelho direito), Alan Santos (lesão muscular) e Gatito Fernández (convocado para a Seleção Paraguaia), o treinador Zé Ricardo deve manter Diego Cavalieri, Gustavo Ferrareis e Rodrigo Pimpão entre os titulares.

Provável escalação do Botafogo: Diego Cavalieri; Marcinho, Marcelo Benevenuto, Gabriel, Jonathan; Alex Santana, Cícero, Gustavo Ferrareis; Erik, Rodrigo Pimpão, Diego Souza.

Americano

Sem vencer há 10 jogos, o Alvinegro de Goytacaz vive um péssimo momento na Taça Rio. Perdeu cinco dos seis confrontos e empatou apenas um, contra a Lusa. Para a partida diante do Botafogo, o técnico Josué Teixeira terá a volta do zagueiro Espinho, que cumpriu suspensão contra o Bangu. A probabilidade é que o time tenha uma escalação mais defensiva, buscando para o poderio ofensivo adversário.

Provável escalação do Americano: Luís Henrique; Sanderson, Admilton, Gabriel, Espinho, Rafinha; Vandinho, Matheus Gama, Flamel; Romário, Daniel Marins.

VAVEL Logo