Chapecoense duela com Figueirense na penúltima rodada do Estadual 
Foto: Márcio Cunha / Chapecoense

Chapecoense duela com Figueirense na penúltima rodada do Estadual 

Partida pode valer o topo da tabela do Campeonato Catarinense e a possibilidade de disputar a semifinal em casa

jullianapaulino
Julliana Paulino

Quase no fim da competição, o confronto desta quarta-feira (03), é de duas equipes que não saíram do G-4 nessa temporada. Figueirense e Chapecoense tem duelo marcado às 21h30 pela 17ª rodada do Campeonato Catarinense

Em disputa acirrada desde o início do estadual, a dupla se revezou no topo da tabela. Hoje as equipes estão com a mesma quantidade de pontos (31), mas a Chape aparece na frente pelo número de vitórias como critério de desempate. O Figueira está na terceira posição e o Avaí em primeiro, com 33 pontos. 

Para o duelo desta quarta-feira no Orlando Scarpelli trazer um novo líder é preciso que o Leão da Ilha não vença o Brusque fora de casa, time no qual está lutando pela quarta posição e se garantir na semifinal. 

O Verdão carrega um retrospecto negativo contra o Furacão, são 153 partidas disputadas, 63 vitórias para o time da capital e 41 triunfos da Chape, os outros 49 duelos terminaram em empate. As equipes também se enfrentaram na final do Catarinense no ano passado e quem levou a melhor foi o Figueirense com vitória por 2 a 0, levando o título.

A partida será o primeiro confronto de Ney Franco como treinador da equipe alviverde. Após semana de treinos, o técnico estará na beira do gramado comandando a equipe e já planeja bons resultados para o time do Oeste. 

“É um clássico local, disputado, é o típico jogo que vale mais que os três pontos. Esperamos fazer um bom jogo e conquistar a vitória. [...] As duas equipes ainda tem condições de terminar essa fase de classificação em primeiro lugar, então vai ser um jogo muito disputado e a gente crê que a equipe que vamos montar ela vai ter a capacidade de iniciar bem esse jogo”, afirmou o treinador. 

Também há mudanças para o time que começará jogando a partida. O treinador optou por poupar o atacante Everaldo, passando a responsabilidade do ataque para Victor Andrade e Aylon, que começarão o jogo juntos. 

Provável Chapecoense: João Ricardo; Eduardo, Rafael Pereira, Douglas e Bruno Pacheco; Márcio Araújo, Elicarlos, Campanharo e Yann Rolim; Victor Andrade e Aylon.

 

MEDIA: 5VOTES: 1
VAVEL Logo