Em jogo de seis gols, Figueirense e Chapecoense empatam pelo Catarinense
Foto: Matheus Dias / Divulgação Figueirense

Em jogo de seis gols, Figueirense e Chapecoense empatam pelo Catarinense

Com três gols para cada lado, Matheus Lucas marcou duas vezes e Betinho finalizou conta para o Figueira; Rafael Pereira, Márcio Araújo e Augusto marcaram para Chape 

jullianapaulino
Julliana Paulino

A partida desta quarta-feira (3), resumiu o que foi o Campeonato Catarinense para as duas equipes: acirrado. Revezando a liderança, a partida entre Chapecoense e Figueirense acabou encerrada com um empate cheio de gols. 

O jogo não demorou muito pra esquentar, logo no primeiro minuto a Chape recuperou a bola que passeava no campo da defesa adversária. Alípio buscando evitar o gol alviverde, fez falta em Victor Andrade, que já entrava pela meia lua. 

Gustavo Campanharo apareceu para cobrar e levantou a bola na área, acertando Rafael Pereira no ângulo, que subiu mais que todo mundo e mandou a bola com maestria pro fundo do gol aos dois minutos de jogo:  1 a 0. 

Após o adversário abrir o placar, o Figueirense procurou jogo, mas sentia dificuldades em ultrapassar a linha defensiva do Verdão. A equipe da casa conseguiu chegar com perigo aos 11 minutos, mas a bola acabou parando na marcação e saindo para escanteio.

O Furacão também obteve sucesso na bola parada, Julio Rusch cobrou fechado, Matheus Lucas sem marcação se antecipou e mergulhou para cabecear, dando o empate para o Figueirense. 

Aos 15, a Chapecoense chegou com perigo e o time da casa precisou contar com boa defesa do goleiro Denis para não levar a virada. Bruno Pacheco cruzou na área, Aylon subiu e mandou a bola no ângulo, mas o arqueiro se esticou e segurou firme. 

Quase no fim da primeira etapa João Ricardo se atrapalhou e entregou a bola nos pés do adversário, Betinho. O volante Márcio Araújo buscando impedir o ataque, cometeu a falta. Júlio Rusch cobrou de novo, a zaga cortou mal e Betinho pegou a sobra pra fazer o gol da virada no primeiro tempo: 2 a 1.

A Chapecoense ainda tentou empatar antes do fim dos 45 minutos, mas o goleiro Denis cresceu na frente das redes e defendeu as tentativas do time alviverde. Sem alterações no placar, a primeira etapa encerrou com o Figueirense com um gol de vantagem.

Não demorou muito para o time visitante balançar as redes no segundo tempo, aos 5, Márcio Araújo mandou de fora da área e a bola foi no ângulo. O golaço do volante deu à Chape o empate logo no início da segunda etapa e incendiou o jogo. 

As equipes começaram a atacar, mas quem mandou a bola pro fundo das redes de novo foi o Verdão do Oeste, Augusto não perdoou falha do Figueira na saída de bola e chutou direto para balançar as redes, deixando o time visitante na frente: 3 a 2. 

Após o gol, a equipe da capital teve boas chances consecutivas, aos 30 Rafael Pereira cortou, salvando a Chape. Já aos 32, o time alviverde precisou contar com boa atuação de João Ricardo, que cresceu em cima do atacante e chutou a bola pra fora. 

Mas não demorou muito pro time da casa conseguir o empate, aos 41, Matheus Lucas repetiu a jogada do gol de empate no primeiro tempo e, de peixinho novamente, mandou a bola pro fundo do gol, garantindo mais uma vez o empate pro Figueira

Sem alterações no placar, a partida encerrou-se com 3 a 3. As equipes entram em campo novamente no domingo, quando a Chape recebe o Avaí, e o Figueirense duela contra Marcílio Dias em casa. Jogos marcados para às 16h no horário de Brasília. 

VAVEL Logo