Reservas do Athletico vencem Coritiba nos pênaltis e conquistam segundo turno do Paranaense
(Divulgação / Athletico PR)

Reservas do Athletico vencem Coritiba nos pênaltis e conquistam segundo turno do Paranaense

Após empate no tempo normal,  Furacão conquistou vitória por 7 a 6 nas penalidades 

sandroquintanilha
Sandro Quintanilha

Na noite dessa quarta-feira (10), o Athletico-PR, com seu time reserva, se sagrou campeão do segundo turno do Campeonato Paranaense, erguendo o título da Taça Dirceu Krüge. A conquista veio após a vitória sobre o rival Coritiba, jogando na Arena da BaixadaWelinton Júnior e Marquinho marcaram no tempo normal. Nos pênaltis, triunfo de 7 a 6 para o Rubro Negro.

A primeira chegada veio com os mandantes. Aos nove, Marquinho recebeu passe na entrada da área, conseguiu passar pelo marcador e finalizou forte. Muralha foi bem na jogada, fechou o ângulo e evitou o que seria o primeiro gol do jogo. 

A resposta dos visitantes só foi acontecer com 26 minutos. Em lance pelo lado esquerdo Rodrigão avançou bem, fez o corte na defesa e tentou o chute colocado. A bola foi fraca e o goleiro Léo fez a defesa sem dificuldades. 

Após um final de primeiro tempo sem muitos destaques, a emoção voltou a acontecer apenas na etapa final. Logo cedo, aos dez, Patrick Brey tentou fazer um cruzamento, que pegou efeito e foi em direção ao gol adversário. Léo conseguiu se recuperar e afastar a bola, que chegou a encostar na trave antes de ir sair para escanteio.

Foi com 28' que Welinton Júnior balançou as redes, colocando o Coxa na frente. O atacante teve espaço pela esquerda, ganhou dos zagueiros e, de bico, mandou uma bomba, que bateu na trave e entrou, sem chances de defesa.

Mesmo com a vantagem no placar, o Alviverde não parou de atacar, em busca do segundo. Aos Patrick Brey e Rodrigão tabelaram e invadiram a área e por pouco não ampliaram,  Erick bloqueou a tirou o perigo.

Com o confronto se aproximando do fim, o Athletico se jogou ao ataque e aos 44, Marquinho deixou tudo igual no clássico. Após cruzamento, o meia ficou livre, teve tempo de ajeitar e mandar um chute colocado. 

Como o resultado nos 90 minutos foi o empate, o jogo foi para os pênaltis. Nas cobranças, 7 a 6 para o Furacão. Léo Cittadini perdeu a segunda para os donos da casa, mas ElyeserRomércio também desperdiçaram para os visitantes, dando o título para o rival. 

Com o título, o Athletico PR garantiu a sua vaga na  grande decisão do Campeonato Paranaense. O clube agora enfrenta o Toledo, no próximo domingo (14) pela taça do Estadual.

MEDIA: 4.3VOTES: 3
VAVEL Logo