Carille diz que Corinthians ainda pode jogar mais e vê final sem favorito: "Agora está igual"
Foto:Divulgação / Corinthians

Carille diz que Corinthians ainda pode jogar mais e vê final sem favorito: "Agora está igual"

Ainda na coletiva, técnico falou sobre Clayson e sobre o jogo do meio de semana contra a Chapecoense

hiquesilvestre
Henrique Vigliotti

Após o empate em 0 a 0 contra o São Paulo pela primeira partida da final do Campeonato Paulista, o técnico do CorinthiansFábio Carille, concedeu entrevista coletiva analisando o desempenho de hoje e projetando o segundo jogo da decisão, que acontece no próximo final de semana.

Sobre o desempenho, o técnico disse ter visto uma equipe melhor em relação aos últimos jogos, e que o entrosamento do time irá aumentar ainda mais com o tempo.

''O futebol não tem jeito, é coletivo. Para funcionar, requer tempo. A gente vê o São Paulo oscilando e na fase final crescendo, Santos fazendo ótimos jogos e tomando muitos gols em alguns jogos. No caso do Corinthians, de 36 jogadores, são 23 novos (...). A gente fica incomodado porque pode jogar mais, mas está dentro de uma normalidade. O Corinthians é muito detalhista em algumas situações. Isso requer tempo para acertar'', frisou.

O comandante ainda comentou sobre as semelhanças em relação a final de 2018. Para ele, diferente da última vez, essa decisão está em aberto e sem vantagem para nenhum dos lados.

''Em relação ao ano passado, perdemos em casa por 1 a 0 e fomos jogar com tudo contra. O Palmeiras tinha muita vantagem, agora está igual. Vantagem só da força da nossa torcida, sabe pressionar, mas é muito pouco para a grandeza do jogo'', afirmou.

Perguntado sobre qual será o time titular para  a próxima partida contra a Chapecoense, válida pela Copa do Brasil, nesta quarta feira (17), o treinador disse que depende da parte muscular dos atletas para definir os 11 que iniciarão o duelo.

''Conhecendo atletas, por tudo o que eu vivi dentro de campo, domingo vão estar com o tanque cheio de qualquer jeito. O que me preocupa alguns detalhes, parte muscular. Isso me preocupa mais'', concluiu.

VAVEL Logo