Renato Gaúcho aprova atuação do Grêmio em final e lamenta: “Faltou capricho”
Lucas Uebel/ Grêmio 

Renato Gaúcho aprova atuação do Grêmio em final e lamenta: “Faltou capricho”

Para o técnico, o Tricolor teve um bom desempenho; sobre confusão com Cuesta,  alegou ser normal 

leticia-denadai
Leticia Denadai

No Gre-Nal 419, o Internacional recebeu, neste domingo (14), o Grêmio para o primeiro jogo da final do Gauchão. Os goleiros tiveram um grande desempenho e o jogo acabou 0 a 0.

Após a partida, o técnico Renato Gaúcho concedeu entrevista coletiva. Começou falando que o desempenho da equipe foi bom é que o jogo foi equilibrado. 

“Faltou um pouco de capricho no último passe para podermos sair daqui com a vitória. Foi um Gre-Nal bem disputado, com oportunidades de cada lado. Eu gostei bastante do meu time, buscou o gol o tempo todo”.

Depois, descartou qualquer favoritismo da equipe, que decide o jogo em casa: “Não tem favoritismo na Arena. Não existe no Gre-Nal. Hoje foi bem disputado em ambos os lados. Serão mais 90 minutos. A gente tem que ter no mínimo a mesma disposição para buscar o resultado que nos interessa. É difícil? É difícil, mas vamos ter o apoio da torcida”. 

Ele ainda se manifestou sobre a confusão com o zagueiro Colorado Victor Cuesta, aos 46 minutos: "A malandragem anda comigo. Não sou mais malandro que ninguém, mas não sou otário. Malandro acaba se enrolando. Mas ali, o Cuesta chutou meu jogador no chão. Foi agressivo. Mas ninguém é mais homem que ninguém. Algumas pessoas se acham malandras, eu não. Não me acho otário. Ele é um grande jogador, um grande zagueiro. Na quarta-feira a gente se encontra de novo. Aquela discussão faz parte do Gre-Nal. Vocês não querem discussão? Se não teve em campo, teve fora. Faz parte, é normal”. 

O próximo partida pela final do Campeonato Gaúcho será na quarta-feira (17), às 21h30, na Arena do Grêmio. 

VAVEL Logo