Recordar é viver: Campinense bate Botafogo-PB no confronto de ida pela decisão do Paraibano de 2018
Foto: divulgação/Campinense

Recordar é viver: Campinense bate Botafogo-PB no confronto de ida pela decisão do Paraibano de 2018

Gol relâmpago de Tarcísio deu a vantagem do empate para a equipe rubro-negra na segunda partida

rafaelalvesgomes
Rafael Alves

Campinense e Botafogo-PB se enfrentam, na noite desta quarta-feira (17), em duelo de ida válido pela decisão do Campeonato Paraibano desta temporada. O histórico de confrontos registra 302 jogos disputados, sendo 113 vitórias do Belo, 111 triunfos da Raposa e 82 empates.

O Clássico Emoção é conhecido por promover grandes embates. Na noite do dia 5 de abril de 2018, pelo primeiro jogo da final do Campeonato Paraibano, o Campinense derrotou o Botafogo-PB no estádio Amigão, em Campina Grande, por 1 a 0, com gol marcado por Tarcísio. O resultado deu a vantagem do empate para a equipe rubro-negra no confronto de volta.

Como foi a partida

Embalado pela torcida que lotou as arquibancadas do Amigão naquela noite, o Campinense foi pra cima do Botafogo-PB e logo chegou ao gol. Após boa jogada realizada pelo lado esquerdo de ataque, a bola foi cruzada para a área e ficou com Tarcísio. O meia tentou dominar, não conseguiu, mas aproveitou a sobra e bateu de pé esquerdo, surpreendendo o goleiro Saulo e balançando as redes e abrindo o placar para a Raposa.

A equipe visitante respondeu à altura, mas não conseguiu o empate. Marcos Aurélio cobrou falta da intermediária e acertou a trave do goleiro Jeferson. A bola sobrou na grande área, mas ninguém do ataque do Botafogo-PB conseguiu aproveitar. Melhor para a defesa rubro-negra, que aliviou o perigo.

Na segunda etapa, a Raposa voltou a exercer uma pressão sobre o Belo. Jackinha aproveitou a falha de Felipe Cordeiro na intermediária, roubou a bola e tocou para Tarcísio, que recebeu livre no lado direito da área. Entretanto, o autor do gol finalizou mal e a bola passou por cima do travessão, desperdiçando a chance de ampliar o placar.

A oportunidade do empate do Botafogo-PB caiu nos pés de Nando. Após uma disputa de bola no campo ofensivo do Belo, Carlos Renato tocou para o camisa 9, que recebeu livre na entrada da área. O centroavante dominou, avançou, mas bateu fraco de perna esquerda, facilitando a defesa de Jeferson e mantendo a vitória rubro-negra.

Confira os melhores momentos da partida:

MEDIA: 5VOTES: 1
VAVEL Logo