Kleina avalia derrota do Criciúma para Cuiabá em estreia: "Foi péssimo para nós"
Foto: Divulgação/Criciúma EC

O Criciúma estreou pelo terceiro ano consecutivo com derrota na Série B. Neste sábado (27), deixou bastante a desejar na parte ofensiva contra o Cuiabá e foi castigado no último lance do jogo com o gol do adversário.

Com a má atuação de seus comandados, o técnico Gilson Kleina entende que o Tigre tem muito o que melhorar para os próximos jogos da competição.

"Resultado péssimo para nós, não conseguimos criar. Nosso sistema ofensivo foi inoperante e o adversário foi melhor. No final saímos com as vaias e precisamos melhorar, pontuar algumas coisas para crescer e ter outro tipo de atitude", disse o comandante em entrevista coletiva após o duelo.

Kleina foi incisivo ao criticar a postura da equipe durante a partida. O Tricolor conseguiu as primeiras oportunidades de gol apenas na metade final da segunda etapa, e viu o Cuiabá ter o controle do jogo durante a maior parte do tempo.

"Dentro de casa, não podemos ter esse comportamento, não foi o ideal. Nosso setor de frente teve muita dificuldade. Não podemos agora colocar a culpa em um ou outro. A equipe inteira não foi bem. Assumo a minha culpa também. Mas agora é conversar com esses jogadores e ver o que podemos melhorar", afirmou.

Na próxima rodada, o Criciúma encara fora de casa a Ponte Preta, quinta feira (2), às 21h. O adversário será um velho conhecido de Kleina, que já trabalhou no clube de Campinas em outras oportunidades, a mais recente, no ano passado.

"Não podemos ir dessa maneira para lá, na casa da Ponte Preta, onde eles jogam motivados. É uma equipe competitiva e temos que tentar igualar. Temos que fazer umas mudanças para extrair o melhor desses jogadores, vamos trabalhar para compensar essa derrota", concluiu.

VAVEL Logo