Grêmio e Santos duelam com força máxima na estreia do Campeonato Brasileiro
(Foto: Lucas Uebel/Grêmio)

Grêmio e Santos se enfrentarão, no próximo domingo (28), pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro de 2019. A partida será disputada na Arena do Grêmio, às 11h. Em oito partidas no estádio do Tricolor, o Peixe ganhou apenas uma vez.

Possíveis desfalques no Tricolor

Em entrevista, Renato Portaluppi afirmou que enfrentará o Santos com força máxima, ressaltando que ainda não é o momento de poupar o time.

“Força máxima ou não, vocês conhecem a maneira que eu trabalho. Sempre foi força máxima a não ser que estamos em meio a outra competição. Não é priorizar, mas aí pelo grupo que o Grêmio tem, podendo jogar tranquilamente pelo elenco que tem as competições. Domingo não é o caso de poupar ninguém. Um ou outro serão poupados se não tiverem condições de jogar. Se não, ninguém será poupado”, afirmou Portaluppi.

O maior mistério na escalação é a presença de Geromel e Maicon. O volante sentiu um desconforto muscular contra o Libertad, pela Copa Libertadores, e saiu no intervalo. Já o zagueiro saiu mais cedo da última atividade e é incógnita para o duelo.

Portaluppi terá dor de cabeça para montar a defesa, caso Geromel não jogue. Paulo Miranda e Marcelo Oliveira são desfalques certos. Diante disso, Michel deverá ser improvisado na defesa. Se Geromel jogar, o volante deverá substituir Maicon.

Dúvidas na escalação

Com portões fechados, Jorge Sampaoli comandou o último treino do Santos neste sábado (27).

O técnico argentino tem três dúvidas para escalar a equipe. A primeira é a decisão do goleiro titular. Vanderlei e Everson disputam posição após revezamento imposto pelo treinador.

Outra dúvida é no meio de campo: Cueva, tentando se firmar na equipe, é opção para começar como titular, mas Rodrygo deve começar jogando.

Já no ataque, Jorge pode entrar no lugar de Soteldo. Pela boa fase de Diego Pituca, o lateral-esquerdo recém contratado pode ser deslocado para o setor ofensivo.

VAVEL Logo