Lucho aponta distração como maior erro do Athletico-PR: "A gente acaba pagando caro"
Miguel Locatelli/ Athletico-PR

Lucho aponta distração como maior erro do Athletico-PR: "A gente acaba pagando caro"

Furacão saiu na frente, mas acabou sofrendo o gol nos minutos finais, em partida realizada na Arena Condá, nesse domingo (05)

sandroquintanilha
Sandro Quintanilha

Após sair na frente, o Athletico-PR acabou ficando apenas no empate, em 1 a 1,  com a Chapecoense, na manhã desse domingo (05), na Arena Condá. Rony marcou para o Furacão, mas Everaldo, no fim do jogo, igualou para o Verdão.

Em tom de lamentação, o volante Lucho González criticou a falta de atenção da sua equipe nos minutos finais, considerando o Furacão superior na partida.

"O mais importante era ter conseguido os três pontos, a gente fez por merecer, mas sabemos que uma distração neste campeonato, independente do time que seja, a gente acaba pagando caro", disse.

Em entrevista coletiva, o técnico Tiago Nunes comentou sobre a atuação do seu elenco e destacou que, mesmo com o resultado amargo, seus jogadores mostraram empenho em campo. 

"Fizemos um bom jogo, jogo equilibrado. O lado ruim é não levarmos os três pontos para casa, sendo que em boa parte do jogo conseguimos controlar o adversário.  Tentamos mudar um pouco. Conseguimos sucesso defensivamente na maior parte do tempo. Tentamos mudar a lógica dos resultados [fora de casa], mas não mudamos", finalizou.

O Athletico volta a campo na próxima quinta-feira (09), dessa vez pela Copa Libertadores. O time enfrenta o Boca Juniors, fora de casa, no estádio La Bombonera, em Buenos Aires. 

VAVEL Logo