Em busca da primeira vitória, Avaí e CSA fecham rodada na Ressacada
Foto: Jamira Furlani/Avaí FC

Em busca da primeira vitória, Avaí e CSA fecham rodada na Ressacada

Times, que entram no Brasileiro para se manter na Série A, precisam de pontos para sair da parte de baixo da tabela

bruno-da-silva
Bruno da Silva
AvaíVladimir; Iury, Betão, Marquinhos Silva, Igor; Mosquera (Matheus Barbosa), Pedro Castro; João Paulo, Gegê, Getúlio; Daniel Amorim. Técnico: Geninho
CSAJordi; Celsinho (Apodi), Gerson, Luciano Castán, Armero; Nilton, Naldo; Didira, Madson, Matheus Sávio; Cassiano. Técnico: Marcelo Cabo
INCIDENCIASPartida válida pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro 2019, no Estádio da Ressacada, em Florianópolis, SC; a partida começa às 19h

Donos dos dois menores investimentos do Campeonato BrasileiroAvaí e CSA se enfrentam em um confronto direto contra o rebaixamento neste domingo (12), ambos atrás da primeira vitória na competição. A partida válida pela quarta rodada na Ressacada começa às 19h.

As duas equipes só se enfrentaram duas vezes na história, na Série B do ano passado. Na Ressacada, empate sem gols. No Rei Pelé, vitória do Avaí por 1 a 0, gol de Getúlio.

A arbitragem é de Dewson Fernando Freitas da Silva (PA), que será auxiliado por Emerson Augusto de Carvalho (SP) e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (SP). A equipe do VAR será formada por Ricardo Marques Ribeiro (MG), Carlos Eduardo Nunes Braga (RJ) e Diogo Carvalho Silva (RJ).

Geninho deve promover mudanças no esquema do Avaí

Mesmo com o título catarinense conquistado no meio do caminho, o Avaí não vence uma partida a seis jogos, desde 7 de abril. No Brasileiro até agora, foram três jogos e apenas um ponto conquistado, o que deixa o time na penúltima colocação. Na última rodada, o Leão perdeu para o Bahia por 1 a 0, em Salvador.

Ao menos em casa, o Avaí mantém um bom retrospecto. Em 14 jogos na Ressacada em 2019, o Leão venceu oito, empatou cinco e perdeu apenas um - para o Vasco, na Copa do Brasil.

O técnico Geninho comemorou a primeira semana cheia de treinamentos desde o início do Brasileiro e espera que o Avaí consiga melhorar o rendimento. "Quando joga de quarta a domingo, você passa mais tempo em recuperação. Agora com a semana cheia podemos acelerar um pouco mais. Trabalhamos finalização e triangulação e fazia um tempo que não conseguíamos isso. Sou a favor do treino e da repetição, só assim para fixar bem o nosso trabalho e forma de jogar", analisou.

Geninho deve mudar o esquema tático do Avaí em busca da primeira vitória na Série A (Foto: Divulgação/Avaí)
Geninho deve mudar o esquema tático do Avaí em busca da primeira vitória na Série A (Foto: Divulgação/Avaí)

Geninho indicou que mudar o esquema do Avaí, saindo do 3-5-2 para o 4-2-3-1 que utilizava no início da temporada. O treinador explicou que o encaixe do esquema com três zagueiros não foi o que ele esperava.

"Também tivemos a dificuldade com os laterais, que não se encaixaram jogando de linha. Ficou difícil, mas trabalhamos essa semana. Vou definir como iremos jogar. Tivemos alguns problemas de ordem médica e estamos recuperando o pessoal. Tem a possibilidade de manter os três zagueiros, mas, neste caso, terei que mudar peças ou voltar com o esquema que usei no começo do ano. As duas possibilidades estão abertas", disse.

Assim, o zagueiro Kunde perde a vaga para a entrada do meia Gegê. Na lateral-esquerda, Igor, recuperado de lesão, deve entrar no lugar de Paulinho. Há também uma disputa para a posição de primeiro volante: Luanderson foi titular na última rodada, mas Mosquera e Matheus Barbosa tendem a lutar por este posto entre os titulares.

Cabo confirma estreia de Nilton, mas mantém dúvidas para escalação do CSA

Após uma estreia com goleada sofrida para o Ceará, fora de casa, o CSA teve dois grandes desafios em casa e saiu com a moral um pouco mais elevada. Os empates diante de Palmeiras por 1 a 1 e Santos por 0 a 0 não foram suficientes para o time buscar sua primeira vitória na elite desde 1986, mas aumentaram a confiança. Com dois pontos, o Azulão ocupa no momento a 18ª colocação.

Durante a semana, o CSA anunciou as contratações do volante Nilton e do meia-atacante Maranhão, já relacionados para a viagem à Florianópolis. O técnico Marcelo Cabo confirmou a estreia do experiente meio-campista para o duelo contra o Avaí.

"Eu tive uma semana aberta (de treinos), e a gente tinha necessidade desse segundo volante na equipe e eu treinei com ele (Nilton) quarta, quinta, treinei hoje (sexta-feira). Ele deu uma resposta muito boa e vai jogar no domingo. Já antecipo então o primeiro escalado", anunciou.

Cabo mantém dúvidas nas laterais, já que Apodi sofreu com uma virose e Armero com um edema no adutor - Celsinho e Carlinhos são as opções. Com problemas no joelho, o goleiro Cajuru, o zagueiro Ronaldo Alves e o volante Amaral estão fora. Além deles, o lateral Maidana e o atacante Manga Escobar se recuperam de lesões musculares.

VAVEL Logo