Não faltou emoção! Rodrigo Caio marca nos acréscimos e Flamengo derrota Athletico no Maracanã
Foto: Alexandre Vidal/ Flamengo

Flamengo e Athletico-PR se enfrentaram pela 6ª rodada do Campeonato Brasileiro. Em jogaço de cinco gols, o rubro-negro do Rio se deu melhor e com gol de Rodrigo Caio nos acréscimos, venceu por 3 a 2 e garantiu mais três pontos na tabela para os cariocas.

O jogo começou com duas equipes dispostas a buscarem o gol. Jogando melhor, o Flamengo teve sua primeira boa chance nos pés de Everton Ribeiro. O camisa 7 tentou cruzamento, pegou mal na bola e encobriu o goleiro Santos e por pouco não abriu o placar. O furacão respondeu com o zagueiro Lucas Halter, que pegou a sobra do escanteio, mas parou em Diego Alves.

Aos 18 minutos o Flamengo chegou novamente, dessa vez com Bruno Henrique, que aproveitou a saída de bola errada dos paranaenses e soltou uma bomba no cantinho, mas Santos operou um milagre e mandou para escanteio.

Dois minutos depois quem errou foi o rubro-negro, quando Diego saiu jogando errado e Marcelo Cirino chutou forte para mais uma grande defesa de Diego Alves.

Não demoraria muito para que o placar fosse aberto, e foi quando Madson errou o passe e deu a bola de presente para Gabigol, o camisa 9 tentou driblar Santos e foi derrubado na área, pênalti marcado e revisado pelo VAR. O próprio Gabigol foi para a cobrança e abriu o placar no Maraca, 1 a 0 com 31 minutos.

Nos últimos instantes, o Athletico ainda teve mais uma oportunidade. Márcio Azevedo cruzou na cabeça de Erick, e Diego Alves fez mais uma grande defesa, garantindo a vantagem do Flamengo no intervalo.

A segunda etapa começou com um Flamengo muito recuado, enquanto o Furacão alugava o campo de defesa dos donos da casa. Era nítida a superioridade da equipe paranaense, e o empate não demorou a sair. Braian Romero tabelou com Tomás Andrade, ganhou a jogada de Rodrigo Caio e cruzou rasteiro para Marcelo Cirino que só escorou, 1 a 1 aos 19 minutos.

O time de Abel Braga nitidamente se abateu e a virada era questão de tempo. E após lance polêmico de Madson com Bruno Henrique dentro da área, o jogo seguiu, mas com a revisão do VAR a arbitragem assinalou a penalidade para o Athletico. Cirino se encarregou da cobrança e virou a partida aos 26 minutos, 2 a 1.

A torcida já xingava Abel Braga e vaiava Diego, quando o cruzamento de Everton Ribeiro encontrou Bruno Henrique na segunda trave, o atacante do Flamengo ganhou de Madson e empatou a partida, 2 a 2, aos 43. E no abafa, o Mengão achou a virada.

Aos 50, em jogada pela esquerda, Renê cruzou, Rodrigo Caio subiu mais alto que toda a defesa e estufou as redes do goleiro Santos, 3 a 2 e fim de jogo no Maracanã.

O Flamengo terá a semana livre e volta à campo no próximo sábado (01), diante do Fortaleza, mais uma vez no Maracanã. Já o Athletico viaja para Buenos Aires, onde enfrenta o River Plate, pelo segundo jogo da Recopa, na próxima quarta-feira (30).

VAVEL Logo