Corinthians derrota Deportivo Lara fora de casa e avança às oitavas de final da Copa Sul-America
Foto: Daniel Augusto Jr / Agência Corinthians

Corinthians confirmou o seu favoritismo e venceu novamente o Deportivo Lara, por 2 a 0, no Estádio Metropolitano de Fútbol , pelo jogo de volta da Copa Sul-America. No agregado, o resultado ficou 4 a 0 para a equipe paulista. Os gols foram marcados por Júnior UrsoSornoza, que balançou as redes pela primeira vez com o alvinegro.

O triunfo trouxe uma alegria especial para Fagner.  O lateral-direito chegou ao seu 304 jogo defendendo a camisa do Timão. Com o número, igualou ao meia-campista Zenon - campeão paulista de 1982 e 83. Porém, o camisa 23 saiu de campo machucado e vira dúvida para a Copa América.

A coxa do urso

O time casa começou propondo o jogo e colocou o Corinthians no campo de defesa. Aos três minutos, o Lara acabou assustando. Moreno fez o pivô, rolou para Yriarte, que arrematou por cima do gol de Cássio.  Apesar de continuar rondando a área, os venezuelanos não estavam com boa pontaria. 

O Timão chegou com grande perigo aos 32' e com a ajuda da bola parada abriu o marcador. Vargas cometeu falta em Júnior Urso próxima a grande área. Jadson cobrou por cima da barreira, o camisa 11 se antecipou e escorou com a coxa para o fundo das redes. Nos minutos finais, Avelar desviou de cabeça após cobrança de escanteio. Sem marcação, Yriarte tentou mandar de peito, mas o goleiro ficou com a bola.

Ampliação + primeira vez alvinegra

No recomeço da partida, a equipe paulista quase ampliou a vantagem. Aos 50', Jadson enfiou para Fagner, que alçou para Vagner Love. O atacante cabeceou e Salazar realizou boa defesa. Logo em seguida, Jadson cobrou escanteio, Júnior urso tocou de letra e o arqueiro voltou a brilhar. Cinco minutos depois, a luz apagou. O lateral-direito alvinegro invadiu a área e tocou para trás. Sornoza apareceu e pegou de primeira para balançar as redes pela primeira fez com a camisa da fiel.

Mesmo sabendo da dificuldade de avançar, o Rojinegro ficou rondando a área adversário em busca de diminuir a diferença. Aos 75', Otero tentou invadir a área, mas foi desarmado. O jogador conseguiu se recuperar. A bola sobrou para Figueroa, que chutou em cima de Manoel e ganhou escanteio. Após a cobrança, Yriarte cabeceou fraco e Cássio segurou. Nos acréscimos, Vargas se livrou da marcação e finalizou de longe, mas acabou mandando à direita da meta do goleiro brasileiro.

Quem será o próximo?

O Corinthians aguarda o adversário no duelo de Cerro x Montevideo Wanderers. O time alvinegro entra em campo na próxima  terça-feira (4), onde encara o Flamengo, pelas oitavas de final da Copa do Brasil. Os comandados de Carille precisam reverter o resultado.

VAVEL Logo