Destaque na classificação na Sula, Luiz Fernando afirma: "Estou reconquistando a confiança"
Foto: Vitor Silva / Botafogo

Na última quarta-feira, o Botafogo goleou o Sol de América por 4 a 0 no Nilton Santos e avançou de fase na Copa Sul-Americana. Um dos destaques do Alvinegro na vitória sobre os paraguaios, Luiz Fernando teve um fator a mais para comemorar: o atacante não balançava as redes desde o dia 20 de janeiro deste ano. Apresentando uma queda de rendimento em relação a 2018, o jogador foi perdendo espaço e amargou o banco de reservas durante um período.

Porém, Luiz Fernando não se abateu, seguiu trabalhando e as oportunidades voltaram a aparecer. Após a boa atuação, o atacante fez questão de agradecer o treinador Eduardo Barroca pela confiança e garantiu estar focado em repetir os bons números da última temporada.

"Ano passado fiz muitos bons jogos, pude ajudar. No começo de 2019 não rendi o esperado. Todos esperavam mais de mim. Agradeço pela oportunidade e a confiança do Barroca para voltar a ser o Luiz Fernando do ano passado. Quero ajudar o Botafogo a chegar o mais longe possível".

Depois de um primeiro semestre bastante aquém do esperado, onde o Botafogo foi eliminado precocemente do Carioca e da Copa do Brasil, o atleta de 22 anos destacou que o apoio de sua família foi importantíssimo para que ele não sentisse o golpe. Sincero, o atacante assumiu que deixou a desejar, mas afirmou que vai recuperando a confiança em si mesmo.

"Nem eu sei explicar a queda de produção. Eu não esperava. Nesses dias ruins, a minha família me ajudou muito a seguir trabalhando para a fase passar. Estou reconquistando a confiança, voltando a jogar meu futebol".

Por fim, Luiz Fernando falou sobre a emoção de voltar a marcar um gol justamente quando seu irmão, Jaílson, viajou pela primeira vez de longe para vê-lo jogar. 

"Fiquei emocionado com o gol porque eu não vinha conseguindo render, estava sendo muito cobrado. Fiquei triste com a situação, de não conseguir ajudar o Botafogo. Eu me cobro muito. Cada dia procuro melhorar, estava precisando desse gol para retomar cada vez mais a confiança. Meu irmão veio de longe para me ver, primeira vez que ele vem me ver e falei para ele que ia dar o meu máximo para homenagear ele. Graças a Deus fui feliz".

VAVEL Logo