Com dois gols de André Luís, Fortaleza bate Cruzeiro pelo Campeonato Brasileiro
Foto: Eslin Souza / FortalezaEC

Com dois gols de André Luís, Fortaleza bate Cruzeiro pelo Campeonato Brasileiro

Em noite de casa cheia, o Leão venceu com autoridade a equipe do Cruzeiro. Dominou as ações durante quase toda a partida e voltou a vencer na competição para a festa de sua torcida

paulo-rezende
Paulo Rezende

Em um jogo entre equipes que estavam devendo no Brasileiro, o Fortaleza levou a melhor. Com dois gols de André Luís, o time de Rogério Ceni venceu o Cruzeiro por 2 a 1, se recuperou na competição após três jogos de jejum e deixou a zona do rebaixamento.

Já pelo lado da Raposa, o resultado ampliou a crise no clube, que completou cinco jogos sem vitória no Brasileiro e nove na temporada. Com o restante da rodada, essa derrota pode colocar a equipe de Mano Menezes na zona.

DOMÍNIO DO LEÃO 

O jogo começou muito movimentado, logo aos 2 minutos o atacante André Luís fez o Castelão explodir de alegria. O lateral-esquerdo Carlinhos avançou pelo lado do campo e fez um cruzamento preciso na cabeça de André Luís, o atacante foi mais rápido que a zaga celeste e abriu o marcador. A resposta do time mineiro foi rápida, aos 10', Sassá empatou a partida num lance construído por Pedro Rocha, que tocou para o jogador  dominar de costas para o gol, girar sobre o zagueiro e chutar prensado, a bola acabou desviando em Nathan e o goleiro Felipe Alves não conseguiu chegar.

O jogo se desenrolou com as duas equipes a fim de buscar a superioridade na partida, o Fortaleza empurrado pela sua torcida mandou uma bola na trave aos 16', numa cabeçada de Nathan após cobrança de falta levantada na grande área. Quatro minutos depois, o primeiro cartão amarelo. Numa jogada dura no meio campo, Léo escorregou e acabou acertando Romarinho. O lance fez o técnico Rogério Ceni, se irritar com a arbitragem, na visão dele o lance era pra expulsão do zagueiro cruzeirense.

O Leão chegou a ter 65% de posse de bola, sondou muito a área adversária, mas sem efetividade, até que no último lance do primeiro tempo, André Luís marcou mais um e novamente de cabeça. Cruzamento de Juninho certeiro para o atacante cabecear no cantinho de Fábio que nada pôde fazer. Todo cruzamento na área do Cruzeiro foi um tormento para a torcida, muitas falhas defensivas. Com os dois gols dessa noite, o time mineiro passou a ter a pior defesa do campeonato com 16 gols sofridos.

DESESPERO CELESTE

A etapa final começou mais brigada do que jogada. Com 5', Héber Roberto Lopes distribuiu 3 cartões amarelos, um deles para o zagueiro Nathan por reclamação. Cartão que saiu caro para o defensor do time cearense, pois aos 19' ele matou um contra-ataque puxado por Sassá e foi expulso .Com um jogador a mais, o Cruzeiro adotou uma postura mais ofensiva. Aos 23', Pedro Rocha invadiu a área e chutou cruzado, Thiago Neves se esticou na bola, mas não conseguiu a finalização.

Aos 27', Mano Menezes foi pra cima de vez, tirou o lateral-esquerdo Dodô e colocou Marquinhos Gabriel no jogo, o meia entrou muito bem, com jogadas individuais levou perigo ao gol do Leão. O Cruzeiro insistiu em jogadas aéreas, de maneira apressada tentando encurralar o adversário. Aos 43, Dedé subiu mais alto que a marcação e cabeceou no canto esquerdo para uma linda defesa de Felipe. No lance seguinte, rápido contra-ataque puxado por Matheus Alessandro que lançou para Carlinhos finalizar e ser a vez de Fábio salvar o seu time. Desorganizado, o time estrelado tentou fazer uma blitz final em busca do empate mas acabou conhecendo sua quinta derrota na competição. Já o Fortaleza se reabilita no Brasileiro e volta a vencer após 3 rodadas.

PRÓXIMOS ADVERSÁRIOS

Com a pausa para a Copa América, a 10ª rodada do Campeonato Brasileiro acontecerá apenas daqui um mês. O Cruzeiro recebe a equipe do Botafogo no Mineirão, já o Fortaleza receberá o Avaí, no Castelão.

MEDIA: 5VOTES: 2
VAVEL Logo