Ney Franco admite falhas contra o São Paulo e garante pés no chão "Remontar a equipe"
Foto: Rafael Bressan/ACF

Ney Franco admite falhas contra o São Paulo e garante pés no chão "Remontar a equipe"

Time de Chapecó foi superado por 4 a 0 pelo Tricolor Paulista e segue na zona de rebaixamento 

beatrizfabbri
Beatriz Fabbri

A Chapecoense foi superada pelo São Paulo na noite desta segunda-feira (22) jogando no Morumbi por 4 a 0 pela décima primeira rodada da Série A do Brasileirão. Ocupando a zona de rebaixamento, o técnico do time de Chapecó, Ney Franco, notou um bom primeiro de jogo. Mas também admitiu falhas da equipe que levaram o rival a conseguir o resultado em seu favor em poucos minutos.

"Tem que dividir o jogo em duas partes. Acho que a gente fez um bom primeiro tempo, um jogo consistente inclusive com oportunidades de gols. Foi um jogo extremamente equilibrado, onde a gente teve poder ofensivo com sistema defensivo funcionando bem. No segundo tempo com as alterações do Cuca, veio uma equipe mais ofensiva. A gente teve uma certa dificuldade no início para ajustar a marcação, com dez ou quinze minutos de ajustes, mesmo posicionamento dentro de campo. Foram dez minutos que o São Paulo aproveitou bem para definir o jogo. A gente teve que fazer duas substituições para ajustar a equipe, mas realmente no segundo tempo o São Paulo foi extremamente superior. Nos cabe agora remontar a equipe para o próximo confronto", disse Ney.

O treinador falou sobre a pressão que sofre dentro e fora de campo como a situação do clube.

"Todo treinador que disputa o Campeonato Brasileiro e chega na 11ª, 12ª rodada na zona de rebaixamento sabe que o trabalho deles está em julgamento, e você fica dependendo o tempo todo de resultado. Eu não sou a pessoa ideal para vir aqui responder para vocês, o certo é que eu estou inteiro, logicamente frustrado pelo resultado hoje principalmente na maneira que foi, mas preparado para recomeçar um trabalho amanhã se assim a diretoria achar interessante". 

A Chape ocupa a 18ª posição do Brasileirão, com apenas oito pontos. Vai enfrentar o Bahia, na Arena Condá, no domingo (28), às 11h, pela 12ª rodada do Brasileirão.

 

VAVEL Logo