Com muitos gols e polêmica, Grêmio e Chapecoense empatam pelo Brasileirão
Foto: Divulgação / Chapecoense

Com muitos gols e polêmica, Grêmio e Chapecoense empatam pelo Brasileirão

Geromel, Everton e Diego Tardelli marcaram para os mandantes, enquanto Everaldo, Gustavo Campanharo e Arthur Gomes anotaram para os visitantes

sandroquintanilha
Sandro Quintanilha

Em um dos duelos mais emocionantes do Campeonato Brasileiro até aqui, Grêmio e Chapecoense fizeram um jogaço na Arena do Grêmio, recheado de gols, duas viradas e com muita polêmica relacionado ao VAR. O 3 a 3 da noite dessa segunda-feira (05) contou com os gols de Geromel, Everton e Diego Tardelli, para os mandantes, enquanto EveraldoGustavo Campanharo e Arthur Gomes anotaram para os visitantes. 

Lá e cá

Com um início dominante, o Tricolor mostrou força e logo nos primeiros minutos estabeleceu pressão no adversário. Como consequência veio o gol de Geromel, aos 8'. Alisson cobrou com escanteio e o zagueiro gremista ganhou a disputa com Gum e mandou pro fundo da rede. 

A reação da equipe visitante não demorou a acontecer e pouco depois, aos 11', Everaldo deixou tudo igual para o Verdão. O atacante fez grande jogada, passando fácil pelos dois zagueiros dos donos da casa e finalizou forte, cruzado, sem chances de defesa. 

Jogando em casa, com o apoio da sua torcida, os mandantes tentaram estabelecer seu ritmo de jogo e, aos poucos, foram envolvendo a Chape. Com 25', o destaque do elenco, Everton, o Cebolinha, arriscou de longe e o goleiro aceitou uma bola defensável, colocando novamente o Grêmio em vantagem.

Mesmo com poucas oportunidades, o Furacão do Oeste aproveitava para ameaçar em lances de bola parada e foi dessa forma que Gustavo Campanharo igualou novamente o marcador. Depois de uma cobrança de escanteio na primeira trave, o meia se beneficiou da falha de marcação e desviou de cabeça para vencer Paulo Vitor.

Mais gols e polêmica

Em uma segunda etapa tão boa quanto a primeira, a Chapecoense foi a equipe que foi para o ataque nos primeiros minutos e Arthur Gomes virou para o time de Condá. Augusto cruzou pela direita e o atacante se antecipou a marcação e deu um toque de primeira, que ainda tocou na trave esquerda e entrou. 

Com a vantagem o Verdão se retrancou e dou espaço para o Imortal atacar. Depois de muitas tentativas, com o confronto se encaminhando para o fim, Diego Tardelli apareceu para, novamente, empatar o duelo. Luan cobrou falta levantando para a área e o camisa 9 tricolor tocou firme de cabeça, baixo, no cantinho esquerdo do goleiro. 

Empolgados, os donos da casa não desistiram de virar e aos 46' Kannemann caiu na área, após empurrão de Maurício Ramos. O árbitro originalmente apitou pênalti, mas após consultar o VAR optou por anular a marcação, e com isso o jogo terminou igualado.  

Como ficou?

O resultado deixa o Tricolor Gaúcho na 13ª colocação, chegando aos 17 pontos. A Chape ficou com 10, ainda dentro da zona de rebaixamento do torneio, mas subindo para o 17º lugar, ultrapassando o Cruzeiro devido ao saldo de gols.

As duas equipes voltam a campo no próximo sábado (10), para mais uma rodada do Brasileirão. O Grêmio visita o Flamengo, no Maracanã, às 19h. Um pouco mais cedo, a Chapecoense enfrenta o Ceará, no Castelão, às 17h

VAVEL Logo