Após recuperar titularidade no Botafogo, Marcinho desabafa: “Cresci muito”
Foto: Vítor Silva/Botafogo

Após recuperar titularidade no Botafogo, Marcinho desabafa: “Cresci muito”

Lateral lembrou das críticas de torcedores, revelou auxílio psicológico e ressalta importância da reserva em sua volta por cima

gabriel-de-oliveira
Gabriel de Oliveira Costa

Escalado para conversar com repórteres na coletiva desta quarta-feira (7), Marcinho ressaltou a boa fase do Botafogo, principalmente após a recente vitória fora de casa contra o Avaí, mas revela descontentamento com a quantidade de críticas sofridas e ajuda de psicólogos no clube.

Somando 24 jogos na temporada, o lateral-direito conviveu com o banco de reservas em determinado período do ano. Segundo o jogador, foi uma época de grande aprendizado.

"Esse momento foi muito mais importante para mim do que para qualquer outra pessoa. Cresci muito nesse período, parei para refletir sobre as coisas que fazia de bom e não eram valorizadas. Olhei também para os meus defeitos".

As dificuldades para lidar com as críticas dos torcedores fez com que o lateral de 23 anos desabafasse na coletiva de imprensa.

"Difícil ter todo dia ou todo fim de semana uma pessoa dizendo que você é ruim. Graças a Deus, tenho confiança plena do clube. Vi que sou muito querido, não só por comissão, companheiros. Conversei muito com o Barroca, conversei muito com o Paulo Ribeiro, nosso psicólogo. Cresci muito".

Marcinho está desde 2013 no alvinegro, e mesmo sem ser unanimidade entre os torcedores, o lateral é observado há meses por Tite e sua comissão técnica. O camisa 4 já foi citado pelo treinador da seleção brasileira, e convive com a expectativa de ser convocado pela primeira vez em sua carreira.

VAVEL Logo