Que dupla! Gabigol comenta boa fase de Bruno Henrique: "Muito feliz por ele"
Foto: Divulgação / Pedro Martins

Que dupla! Gabigol comenta boa fase de Bruno Henrique: "Muito feliz por ele"

Os dois vêm fazendo a diferença no ataque carioca; o artilheiro da noite ainda vive o êxtase da convocação à Seleção Brasileira

leo_silva997
Leonardo José

A noite dos flamenguistas foi de felicidade devido à vitória carioca sobre o Inter por 2 a 0, pela Libertadores. No entanto, a antes da divulgação da escalação, Gabriel Barbosa era dúvida e deixava a torcida rubro-negra apreensiva. Mas o artilheiro do Fla em 2019 jogou os 90 minutos e contribuiu para o triunfo comando pelo parceiro Bruno Henrique, que, juntos, formam uma bela dupla de ataque.

Na zona mista depois do jogo, Gabigol comentou o momento especial que vive com Bruno Henrique e fez questão de lembrar da convocação de seu parceiro, que vestirá a camisa da Seleção Brasileira para amistosos contra Colômbia e Peru.

"Muito feliz por ele. No último jogo eu fiz dois e ele fez um. Agora ele fez dois e eu pude dar um passe para ele. É um cara que merece muito, a gente torce muito por ele. Ficamos muito feliz pela convocação. E é muito bom jogar ao lado dele. Joguei com ele no Santos, mas a gente não teve muita sequência de jogos, pelas lesões dele, mas aqui no Flamengo a gente vem sendo muito feliz. Então é comemorar esse momento dele e aproveitar também."

Em seguida, ele ressaltou o entrosamento com BH, dizendo que um ajuda o outro nas transições de jogadas ofensivas.

"O mais importante não é só os gols, mas as participações em gols. A gente tem ajudado um ao outro, eu dando bola para ele, ele dando bola para mim. Isso mostra entrosamento. Jogamos bem juntos, a gente se entende. Muito feliz por dar esse passe para ele, para o segundo gol, e ele ajudar a gente."

Quando o placar já estava 2 a 0 para o Flamengo, Gerson lançou Bruno Henrique, que recebeu na esquerda, fez jogada individual e deixou Gabigol na boa para fazer o terceiro. Mas, sem o tempo exato da bola, Gabriel furou o lance e desperdiçou a chance. Ele comentou o lance.

"Eu estava comentando com o Bruno ali: a gente estava muito perto um do outro, e talvez por ser muito rápido (o lance) ele acabou tocando a bola muito forte, eu tentei alcançar a bola e não consegui. Mas, mesmo com esse resultado, se fosse 3 a 0 não estaria definido, porque o time do Inter é uma grande equipe e tem mais um jogo pela frente."

E a vantagem para a volta?

Para a volta, o Flamengo pode perder por até um gol de diferença que avança às semifinais. Se fizer ao menos um tento, tem a possibilidade de perder por dois gols de diferença. Mesmo assim, também podendo empatar, Gabigol prefere manter os pés no chão e evitar qualquer projeção.

"Obviamente que é uma vantagem, mas vai ter mais um jogo. Do mesmo jeito que a gente fez aqui, eles podem fazer dois lá. Vai ser mais um grande jogo, contra uma grande equipe. Então a gente tem que prensar agora no próximo jogo e depois contra eles."

O jogo de volta acontece na próxima quarta-feira (28), às 21h30, em Porto Alegre. Mas, antes, o Flamengo enfrenta o Ceará às 16h, no Castelão, pelo Brasileirão.

VAVEL Logo