Em grande fase, Willian Arão comenta saída de Cuéllar e elogia Flamengo: "Time está encaixado"
Foto: Alexandre Vidal / Flamengo

Nesta terça-feira (3), Willian Arão concedeu uma entrevista à ESPN Brasil onde tratou de assuntos importantes, como a saída do colombiano Cuéllar e sobre o comportamento do time após a ida do volante para o Al-Hilal, da Arábia Saudita.

Peça chave no elenco de Jorge Jesus, Arão vive em paz com a torcida Rubro-Negra, ao ser perguntado sobre a nova dupla formada com Gerson, após transferência de Cuéllar, o volante brasileiro afirmou:

“Acho que é muito tranquilo, foi meu primeiro jogo com o Gerson (como titular) jogando nessa função por dentro, mas em outros jogos a gente já tinha alternado por ali. Mas é muito tranquilo, o Gerson também é um grande jogador e como eu disse: todo um sistema defensivo não passa apenas por um jogador ou por um posicionamento, é um todo. O time está bem encaixado, então facilita o meu trabalho no meio, facilita o trabalho de todos. É uma peça complementando a outra”.

Gustavo Cuéllar chegou ao Flamengo em 2016 e atuou durante 167 partidas, tendo marcado dois gols, além de ganhar dois títulos cariocas (2017 e 2019). Em sua trajetória, o colombiano atuou como primeiro volante e a dupla com quem mais atuou foi justamente Willian Arão. Somente neste ano, os defensores atuaram juntos em 20 partidas, sendo apenas cinco sob o comando do Mister.

Após a partida contra o Palmeiras, no domingo (01), Jorge Jesus falou sobre Cuéllar e seus possíveis substitutos:

“Não me esqueço dos jogadores que trabalharam comigo, portanto não vou esquecer dele, mas já foi. Agora são mais importantes para mim Arão, Piris e o menino Vinícius que mandei subir do sub-20. Penso que com o tempo vai ser um jogador acima do que é normal. O Arão jogou dentro daquilo que é o talento e característica dele. É um jogador que se adapta muito fácil a situações de jogo defensivo e ofensivo. Como é o Gerson”.

Muito criticado no início da temporada, Arão alternou altos e baixos com a camisa do Flamengo, atualmente vive seu melhor momento no clube. Questionado sobre a posição que prefere ocupar - com Jesus, tem atuado como primeiro volante - ele foi sucinto e disse:

“Pra mim é muito tranquilo, eu me sinto muito bem tanto fazendo uma como outra (função), a minha formação foi de primeiro volante e só depois eu comecei a atuar como segundo, tendo mais liberdade para sair, mas eu me sinto confortável nas duas. Aquilo que o Mister pedir, vou tentar executar da melhor forma possível”.

O próximo compromisso do Flamengo será contra o Avaí no sábado (7), às 17h em Brasília. O mando de campo é da equipe catarinense, mas o time resolveu vendê-lo após punição imposta pela CBF. Willian Arão é cotado para começar como titular ao lado de Gerson.

VAVEL Logo