Muriel salva, e Fluminense derrota Fortaleza com gol de João Pedro
João Pedro comemorando seu gol (Foto: Divulgação/Fluminense)

Muriel salva, e Fluminense derrota Fortaleza com gol de João Pedro

Em noite inspirada do goleiro tricolor, Fluminense faz seu gol no fim e encerra jejum no Campeonato Brasileiro

luca-tremonti
Luca Tremonti

Precisando da vitória de qualquer maneira o Fluminense visitou o embalado Fortaleza e conseguiu sair de campo com os 3 pontos. Em um jogo marcado por grandes defesas do goleiro Muriel, o Flu conseguiu ser efetivo e bateu o Leão do Pici em pleno Castelão. O jogo válido pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro marcou o reencontro dos tricolores depois de 13 anos na primeira divisão.

Lá e cá

O primeiro tempo começou com o Fortaleza em cima dos cariocas. Logo aos 2 minutos Wellington Paulista obrigou Muriel a fazer duas boas defesas. Depois de cruzamento na área o camisa 9 testou para defesa do goleiro e no rebote parou em Muriel novamente.

O Leão do Pici seguia em cima. Aos 5 minutos outra grande defesa de Muriel. Após escanteio cobrado, um bate rebate entre Nino Jackson e o camisa 27 voou no ângulo para salvar.

Aos poucos o Flu foi equilibrando o jogo e teve suas grandes chances também. Wellington Nem João Pedro perderam boas oportunidades cara cara com o goleiro Felipe Alves Nenê assustou em um chute de fora da área.

As duas equipes deixavam o adversário jogar, o jogo estava aberto e ataque para os dois lados, mas o 0 a 0 não saiu do placar graças aos goleiros.

Cirúrgico

O segundo tempo foi bem diferente do primeiro. O jogo diminuiu de intensidade e ficou menos aberto. O Fortaleza tentava criar mais enquanto Fluminense não assustava.

Zé Ricardo trocou seus atacantes em busca de mais velocidade para a equipe, e conseguiu. Osvaldo, ex-Flu, entrou bem na partida e fez Muriel trabalhar. Depois de cruzamento Wellington Paulista obrigou Muriel a fazer outra grande defesa.

O Tricolor carioca cansou e o técnico Oswaldo não mexia nos seus jogadores de frente. O time parecia estar satisfeito com o empate.

Aos 41 minutos, Digão recuperou uma bola no campo de ataque e entregou para Caio Henrique que cruzou para Nenê na segunda trave, o camisa 77 só escorou para o meio e deixou João Pedro sem goleiro para marcar. Esse havia sido o primeiro chute do Flu na segunda etapa.

Já nos acréscimos, Yony acertou o travessão de Felipe Alves e Muriel ainda fez mais um milagre com a cabeça garantindo os  três pontos para os visitantes. Com a vitória a equipe carioca dá uma respirada, mas ainda segue no Z4. Os cearenses permanecem no meio da tabela.

VAVEL Logo