Em dia inspirado de Pottker, Inter derrota Atlético-MG no Horto
Foto: Reprodução/SC Internacional

Em dia inspirado de Pottker, Inter derrota Atlético-MG no Horto

Equipe colorada foi eficiente no ataque e não deu chances para alguma reação mineira

leo_silva997
Leonardo José

Vitória colorada no Horto! Mesmo com time reserva, o Internacional foi a Belo Horizonte e venceu o Atlético-MG no dia mineiro ensolarado. O placar de 3 a 1 a favor dos gaúchos demonstrou a efetividade do time de Odair Hellmann contra a equipe Rodrigo Santana pela 19ª rodada do Brasileirão.

Incrivelmente, apenas uma das 25 finalizações do Galo balançou as redes de Danilo Fernandes. Dentre elas, só 11 foram ao gol. Em contraponto, o Inter deu 15 arremates — nove à meta de Cleiton. Assim, o Alvinegro teve 60% de posse de bola contra 40% dos adversários, que apostou nos contra-ataques.

Lá e cá

Com uma proposta madura e calma, o time do Sul não ficou apenas aguardando as ações mineiras, tanto que o primeiro gol do jogo aconteceu aos 29 minutos, com William Pottker. O atacante aproveitou vacilo de Réver e movimentou o placar finalizando de cabeça (0 a 1). Antes disso, no começo do encontro, Danilo Fernandes tinha salvo o Inter em chute de Chará.

Foto: Reprodução/SC Internacional
Foto: Reprodução/SC Internacional

Depois do tento inicial, o Inter deixou a bola nos pés dos mandantes, que não conseguiam armar contundentemente as jogadas. Assim, o jogo esfriou o ritmo acelerado em busca do gol.

Pressão atleticana sucumbida pela efetividade vermelha

Treinador do Atlético, Rodrigo Santana chacoalhou sua equipe no vestiário, pois o Galo voltou com um ímpeto ofensivo à mil para o segundo tempo. Mas o Inter foi letal nos contragolpes. Tanto que aos três minutos quase ampliou, com Sóbis, que parou nas mãos de Cleiton. No entanto, aos sete, Heitor achou o mesmo Sóbis sozinho na ponta direita. O experiente atacante cruzou rasteiro e Neilton fez o segundo (0 a 2).

Foto: Reprodução/SC Internacional
Foto: Reprodução/SC Internacional

Do minuto 10 até o 19, o Atlético chegou bem em quatro jogadas, com chances claras. Bruninho, Vinícius, Cazares e Léo Silva foram os assustadores — esses dois últimos foram barrados por grandes defesas de Danilo Fernandes. Mas quando o Galo era muito superior no momento, aconteceu o balde de água fria na torcida mineira.

Aos 19', Pottker aparece novamente, dribla Réver e bate cruzado para ampliar (0 a 3). Após o impiedoso 3 a 0, a equipe de Rodrigo Santana ficou um pouco apática. Cazares ainda buscou diminuir em três finalizações de fora, mas nada mudou. O gol de honra do CAM só apareceu aos 42', quando Chará aproveitou sobra do chute de Elias e ajeitou de cabeça para Bruninho, que mandou para às redes (1 a 3). Aí não havia tempo para mais nada e os três pontos foram para o extrato bancário dos gaúchos.

E agora?

Vencedor do duelo sob o Sol de Minas, o Inter agora tem 33 pontos e se consolida um pouco mais dentro do G-6, mas, parcialmente na quarta posição. Um pouco atrás, em oitavo, está o Atlético, com 27.

Na próxima e 20ª rodada, o Galo visita o Avaí, às 20h da segunda-feira (23). No domingo (22), às 11h, o Colorado joga em casa contra a Chapecoense.

VAVEL Logo
CHAT