Embalado, Goiás encara Cruzeiro em crise e sob nova direção
Foto: Reprodução/Cruzeiro EC

Fechando a 22ª rodada do Brasileirão, Goiás e Cruzeiro medem forças a partir das 20h desta segunda-feira (30). 668 quilômetros é a distância entre Goiânia e Belo Horizonte, mas apenas oito pontos separam o time Esmeraldino da Raposa na tabela. Assim, o objetivo de escapar do fantasma do rebaixamento é compartilhado por ambos e tem um novo episódio no Serra Dourada.

As duas vitórias seguidas diante de Fluminense e São Paulo puseram o time esmeraldino mais confortável na briga contra o descenso. 27 pontos, na 12ª posição, estão na conta da equipe treinada por Ney Franco. Em crise profunda, a Raposa luta contra um inédito rebaixamento em sua história. Vindo de empate com o Ceará e abrindo o Z-4, tendo 19 pontos, os celestes estão sob novo comando, já que Rogério Ceni foi demitido e Abel Braga contratado para assumir a bomba-relógio mineira.

Goiás e base mantida

Em comparação à última partida esmeraldina, o técnico Ney Franco faz mudanças no time titular para encarar a equipe de Belo Horizonte. Sem Jefferson e Marcelo Hermes, ambos suspensos pelo terceiro cartão amarelo, Alan Ruschel, ex-Chapecoense, é o candidato a ocupar vaga na lateral-esquerda.

Ney Franco conseguiu ajeitar bem a defesa nos últimos dois jogos (Foto: Reprodução/Goiás EC)
Ney Franco conseguiu ajeitar bem a defesa nos últimos dois jogos (Foto: Reprodução/Goiás EC)

Os reforços Rafael Papagaio, ex-Atlético, e Dudu, ex-Santa Cruz, também já foram regularizados e estão a postos para Ney Franco.

Provável escalação do Goiás: Tadeu; Yago Rocha, Fábio Sanches, Rafael Vaz e Alan Ruschel; Gilberto Júnior, Yago Felipe e Léo Sena; Michael, Rafael Moura e Leandro Barcia. Técnico: Ney Franco.

Cruzeiro, Abel Braga e mudanças

Ainda sem ter o registro no Boletim Informativo Diário (BID), o técnico recém-contratado Abel Braga, sucessor de Rogério Ceni, viajou com o grupo a Goiânia. Mas, de acordo com o Cruzeiro, a expectativa é de que o treinador seja registrado ainda nesta segunda-feira (30). No entanto, se Abel não conseguir registro, Ricardo Resende, treinador do time sub-20,  assume o comando.

Abel Braga já comanda a equipe em treinamentos (Foto: Reprodução/Cruzeiro EC)
Abel Braga já comanda a equipe em treinamentos (Foto: Reprodução/Cruzeiro EC)

Depois de empatar em 0 a 0 com o Ceará na rodada passada, o Cruzeiro tem novidades na escalação. Suspenso pelo terceiro cartão amarelo, Fred é desfalque. Sassá é quem deve ganhar a vaga no ataque. Além de Sassá, que foi barrado pelo ex-treinador Rogério Ceni, o meia Thiago Neves volta ao time titular celeste. A saída de Pedro Rocha no jogo contra o Ceará tinha virado preocupação devido a dores no tornozelo, mas ele se recuperou e está à disposição. Também recuperado (lesão na lombar), Rodriguinho pode voltar ao banco de reservas.

Provável escalação do Cruzeiro: Fábio; Orejuela, Dedé, Fabrício Bruno e Egídio; Henrique, Ederson, Marquinhos Gabriel, Thiago Neves; Pedro Rocha e Sassá. Técnico: Abel Braga/Ricardo Resende.

Retrospecto

No histórico recente entre Goiás e Cruzeiro, a vantagem soberana fica com o time de uniforme azul. De 2010 para cá, foram nove confrontos, todos pela Série A do Brasileirão. Sem deixar dúvida sobre sua superioridade acima do adversário, a Raposa venceu todos os nove jogos, seja ele em Goiás ou em Minas Gerais.

Arbitragem

De Pernambuco, Gilberto Rodrigues Castro Júnior é o árbitro principal da partida. Clóvis Amaral da Silva (PE) e Fábio Pereira (TO) são os assistentes.

VAVEL Logo