VAVEL Entrevista: Deola celebra acesso do Mecão à elite carioca
Foto: Marcio Menezes / América Rio

Nesta quarta-feira (2) o América garantiu seu retorno à elite do campeonato carioca após superar o Bonsucesso nas semifinais gerais da competição. Após vencer por 2 a 1 na ida,  o empate por 1 a 1 no jogo da volta ocorrido em Moça Bonita assegurou o América na decisão estadual da B1.

Titular absoluto do Mecão, o goleiro Deola, fala com exclusividade à Vavel sobre a importância do acesso que consagrará a 108ª participação do clube na primeira divisão.

Melhor equipe na classificação geral da segunda divisão em 2019, o América foi campeão da Taça Santos Dummond, referente ao primeiro turno estadual, e foi finalista da Taça Corcovado, respectivamente o returno da competição.

Com 37 pontos totais, 12 vitórias em 18 jogos e um total de 30 gols pró, o Mecão assegura sua vaga na seletiva estadual em 2020 e terá pela frente a grande decisão contra a Friburguense.

Deola em atuação pelo América (Foto: Marcio Menezes / América Rio)
Deola em atuação pelo América (Foto: Marcio Menezes / América Rio)

Ao longo de seus 36 anos, sendo 17 de carreira profissional, Deola, o goleiro ex-Palmeiras fala com exclusividade à Vavel sobre a recente conquista do América em assegurar seu retorno à primeira divisão estadual.

"Esse acesso é de extrema importância, montamos um elenco forte, para subir. Vencemos o primeiro turno, fomos finalistas do segundo e agora estamos na decisão geral. Conseguimos o objetivo principal, mas agora a meta será o título".

Ressaltando a importância de voltar ao topo do futebol carioca, ainda que de acordo o atual regulamento esteja previsto uma seletiva com o Americano, Friburguense, Macaé, Nova Iguaçú e Portuguesa da Ilha na próxima temporada, o arqueiro ressalta a vitrine que é jogar o Cariocão.

"O América é grande demais para a segunda divisão, o torcedor merece muito mais. Na elite teremos maior visibilidade, os patrocinadores nos olharão, estaremos presentes com mais destaque nos holofotes", afirma o jogador.

Antes de festejar de vez a subida, Deola fala sobre a possibilidade de revanche contra a Friburguense, visto que, o time da região serrana foi campeão em cima do América, na decisão do returno: "Esses dois jogos serão ótimos para a gente, vamos jogar a primeira partida lá, mas a decisão será em nossa casa. Já perdemos para eles na final segundo turno por 1 a 0, mas também já os vencemos na fase classificatória, então agora temos a chance de dar esse troco e consagrar nosso clube".

Com o contrato próximo do fim, Deola mantém otimismo para sua renovação, mas garante que seu foco agora é na decisão do título. Marcado para este sábado (5), às 15h, os times se enfrentarão no estádio Eduardo Guinle, em Nova Friburgo.

"O interesse é recíproco de ambas as partes, ainda vamos sentar para conversar. Meu vínculo com o clube se encerra após o término dessa competição, mas vamos tratar desse assunto depois do nosso próximo objetivo que é levantar a taça", comenta o atleta.

Destaque na campanha do melhor time da competição, Deola afirma ter bola para jogar em alto nível por bastante tempo: "Particularmente tudo isso que tem acontecido está sendo incrível para mim, Deus tem abençoado minha carreira de tal forma que eu consigo me destacar mesmo com 36 (anos). Coleciono títulos e acessos por onde joguei, é um histórico admirável", finaliza.

O goleiro nascido em Céu Azul/PR, foi revelado pelo Palmeiras em 2003,  e no Palestra foram doze anos de clube. Desde 2016 fora do Verdão, Deola soma passagens pelo Vitória/BA, Fortaleza/CE, Guarani/SP, entre outras equipes como o Grêmio Barueri, Sertãozinho, Fluminense de Feira/BA, Juventus/SP e Taboão da Serra/SP.

Na sua segunda passagem pelo Mecão em dois anos, seu último trabalho havia sido no Anapolina/GO, antes de ser um dos reforços mais badalados do América para a temporada.

Atual campeão da segunda divisão carioca, o América já havia subido em 2018 quando superou o Americano na grande final. No entanto, jogando a seletiva estadual, o time foi rebaixado junto ao Goytacaz para a B1, mas novamente estará brigando por uma das duas vagas do grupo que antecede a fase principal da elite reserva.

VAVEL Logo