1-0, min. 12, Gustavo Henrique; 2-0, min. 17, Marinho
Santos domina, vence Palmeiras e reassume vice-liderança do Brasileirão
(Foto: Ivan Storti/Santos FC)

Santos domina, vence Palmeiras e reassume vice-liderança do Brasileirão

Com a vitória o Peixe soma 47 pontos, a mesma pontuação do rival, porém com uma triunfo a mais

vitor-moura
Vítor Moura

Amplo domínio e jogo com intensidade. Assim o Santos venceu o Palmeiras por 2 a 0 na noite desta quarta-feira (9), na Vila Belmiro, em partida válida pela 24ª rodada do Campeonato Brasileiro 2019. Os gols foram marcados por Gustavo Henrique e Marinho ainda no primeiro tempo.

A partida era um confronto direto pelo segundo legar e com o triunfo o Peixe reassume a vice-liderança do campeonato com 47 pontos, mesma pontuação do Palmeiras, porém com uma vitória a mais (14 a 13). Ambas as equipes estão cinco pontos atrás do líder Flamengo, que ainda jogará nesta rodada contra o Atlético-MG.

Santos absoluto na primeira etapa

Intensidade. Desde o primeiro minuto de jogo a equipe do Santos mostrou a entrega que o técnico Jorge Sampaoli deseja da equipe. Logo aos três minutos Jean Mota cobrou falta perigosa e Jaílson teve que se esticar para defender. No lance seguinte Eduardo Sasha chapelou Vitor Hugo e finalizou para forte, porém a bola foi para fora.

Perdido em campo o Palmeiras não conseguia subir com qualidade e apena trocava passes na intermediária. Quando tinha a bola o Peixe continuava em cima e quase abriu o placar com Carlos Sánchez após chutar por cima da meta adversária. Muito esforço santista foi recompensado e logo com dois gols em cinco minutos.

Aos 12 minutos o meia uruguaio cobrou falta e Gustavo Henrique subiu livre de marcação para fazer 1 a 0. Cinco minutos depois mais um ataque do Alvinegro, Pará tocou para Diego Pituca, o camisa 21 finalizou no meio do gol, Jailson deu  rebote e Marinho apareceu para fuzilar as redes, mas foi marcado impedimento. O VAR entrou em ação e atestou que Vitor Hugo dava condições para o atacante e o gol foi validado.

Com um ritmo muito acima do time visitante, o Santos continuou com a mesma forma de jogo até os 30', quando o Alviverde tentou atacar e diminuir o marcador, mas sem sucesso. O jovem Tailson era a exceção, afinal durante toda a primeira etapa foi figura constante nas investidas do Peixe e teve grande destaque.

Palmeiras não reage e Peixe sai vitorioso

O segundo tempo começou morno, o Santos com mais posse de bola conseguia manter o Palmeiras ocupado na marcação, sem chances e criatividade para investir no ataque. Pelo lado direito Marinho continuava na criação de boas jogadas de ataque.

Se ainda restava alguma chance de reação palmeirense, ela acabou no momento em que Willian foi expulso após falta em Diego Pituca. Com um a menos a equipe de Mano Menezes não conseguia armar mais jogadas ofensivas, sem o ímpeto no ataque e com o Santos regendo a partida a torcida começou a gritar "Olé" no final do duelo.

MEDIA: 5VOTES: 1
VAVEL Logo
CHAT