Ameaçados pela queda, Fluminense e Chapecoense fazem jogo de "seis pontos"
Foto: Lucas Merçon / Fluminense.

Alívio! Essa é a palavra que Fluminense e Chapecoense procuram, mas não estão conseguindo encontrar neste Brasileirão. Os clubes estão ameaçados de rebaixamento e, para tentar fugir da zona, farão um jogo de "seis pontos" neste sábado (26), às 19h30 no Maracanã.

O Fluminense chega para a partida como a primeira equipe fora da zona da confusão, com 29 pontos, mas tem apenas um ponto de vantagem sobre o Cruzeiro (17º). A Chapecoense, por sua vez, tem apenas 17 pontos e é a vice-lanterna da competição, com 99% de chances de ser rebaixada - Fonte: InfoBola. A vitória não garante a saída para o Verdão do Oeste nesta rodada, mas poderá melhorar o clima, que não é dos melhores em Chapecó.

Como chegam as equipes

Para o Flu, vencer significa se afastar ainda mais do grupo dos quatro últimos do campeonato. Para isso, o técnico Marcão deve levar a campo um time formado por: Muriel; Gilberto, Digão (Frazan), Nino e Caio Henrique; Allan, Daniel e Nenê; Wellington Nem, Marcos Paulo e Yony González.

Digão está recuperado de lesão e volta a estar à disposição. Paulo Henrique Ganso não está suspenso ou lesionado, mas está em baixa com o treinador e a torcida. Durante a semana treinou entre os reservas e deve começar no banco. O tricolor das laranjeiras não tem nenhum jogador suspenso, mas Mascarenhas e Matheus Ferraz estão no Departamento Médico.

A equipe carioca vem de duas derrotas seguidas na competição, ambas no Maracanã (2 a 1 para o Athlético Paranaense e 2 a 0 para o Flamengo) e precisa vencer os confrontos diretos, contra equipes que lutam na parte de baixo da tabela, se quiser escapar. Chapecoense (19º) e Ceará (15º) são os próximos adversários do Time de Guerreiros.

O Índio de Condá, por sua vez, vive uma situação bem mais delicada no campeonato. Com apenas três vitórias em 27 partidas, o time precisa igualar uma série incrível de triunfos para escapar do Z4. O técnico Marquinhos Santos tem dois problemas na zaga para a partida: Douglas e Gum. O primeiro está suspenso e não viajou ao Rio de Janeiro, o segundo - velho conhecido e ídolo do tricolor - está lesionado e passará por uma cirurgia no pé direito.

Marquinhos deve levar a campo a seguinte equipe: João Ricardo; Eduardo, Rafael Pereira, Maurício Ramos e Bruno Pacheco; Elicarlos, Márcio Araújo e Camilo; Roberto, Henrique Almeida e Everaldo. O atacante Dalberto está recuperado de lesão e está relacionado para a partida. Outra novidade é a volta do volante Augusto na relação de selecionáveis.


Opostos na beira de campo

Marcão, técnico do Fluminense. (Foto: Lucas Merçon / Fluminense).

O duelo deste sábado (27) ganha contornos interessantes, não só pela situação dos clubes na tabela, como também à beira de campo. O confronto Marcão x Marquinhos Silva.

Se por um lado, o treinador do tricolor teve um bom início com três vitórias e um empate nos quatro primeiros jogos, o treinador da Chape completou um mês sob o comando do verdão e ainda não venceu (5D e 3E). Marcão chega ao seu oitavo jogo no comando do Flu, com apenas duas derrotas.

Na última rodada, em mais um empate no comando do Verdão - 2 a 2 diante do Goiás - Marquinhos Santos deu uma declaração forte:

"Eu me sinto envergonhado por não vencer, e o torcedor tem mostrado dedicação. Fiquei chateado ao ver torcedor na chuva, e sei o quanto dói."

Também ao fim da 27ª rodada, Marcão concedeu entrevista coletiva e falou sobre os confrontos diretos:

"Temos que pegar as coisas positivas e o que não funcionou. Vai ser dessa forma. Precisamos estar fortes para brigar contra as equipes que também estão nessa parte da tabela. Temos que elevar o mental da nossa equipe, porque serão jogos difíceis".

O Fluminense encara a Chapecoense no Maracanã, às 19h30 (de Brasília), neste sábado (27). Caso vença, o tricolor chegará aos 32 pontos e poderá terminar a rodada na 14ª colocação. A Chape, no entanto, mesmo se vencer, não sairá da vice-lanterna.

VAVEL Logo