Marcão comemora vitória do Fluminense no Morumbi: "Nossa
equipe acreditou"
FOTO DE MAILSON SANTANA/FLUMINENSE FC

O técnico Marcão concedeu entrevista após a vitória do Fluminense por 2 a 0 sobre o São Paulo, no Morumbi. A partida foi válida pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro. O comandante exaltou a equipe e falou sobre a importância do resultado que tirou o Tricolor da zona de rebaixamento.

É uma dificuldade muito grande a cada rodada. Foi muito importante somar esses pontos. Muitos não acreditavam, mas a nossa equipe acreditou. Levamos pontos importantes para o Rio de Janeiro. Mas não dá para descansar. No domingo, temos outra batalha. Vamos enfrentar o Internacional também com o mental muito forte”, disse.

Sobre a polêmica envolvendo Mário Bittencourt e Celso Barros, presidente e vice do clube, Marcão preferiu não se envolver e focar apenas no que acontece dentro de campo.

A gente acompanha o futebol brasileiro há muitos anos e sabemos que estamos expostos ao resultado. Quando não acontece como imaginam, criam-se muitas especulações. Nesse caso, procurei ficar à parte e treinar minha equipe. E deixar o nosso presidente (Mário), junto do nosso vice (Celso), se resolverem. Sempre para o melhor para o Fluminense. Estou aqui sempre em busca do melhor para o nosso clube e para o nosso torcedor.

O treinador analisou a partida e comemorou o fato de os gols terem saído após muitas chances perdidas nos jogos anteriores. E afirmou que o resultado dá tranquilidade ao time.

Quem viu o jogo, viu uma boa partida. Conseguimos anular as principais jogadas do São Paulo, fizemos um grande jogo. E a bola entrou. Não vinha entrando, mesmo criando chances. Isso nos dá tranquilidade para trabalhar. Mantivemos o posicionamento, não quebramos as linhas. Foi um grande resultado.

A gente sabia que o São Paulo tinha uma transição muito forte, principalmente pelos lados. E tentamos tirar a velocidade do São Paulo. Quando conseguimos, fizemos o nosso jogo e criamos situações. No jogo passado, a bola não entrou. Nesse, entrou. E conseguimos controlar o jogo. O São Paulo começou pressionando, mas viemos com o mental muito forte.

Na busca pelo resultado, a aposta foi nos contra-ataques. Segundo o técnico, o segredo para conseguir a vitória era tirar a velocidade do adversário. E também fez questão de elogiar a equipe paulista.

Quando analisamos o São Paulo, a nossa equipe entendeu que tínhamos que tirar a velocidade do São Paulo. A gente começou pressionando, mas depois baixamos as linhas. Quando fizemos isso, neutralizamos o São Paulo e conseguimos ataques importantes. O segundo gol saiu em uma delas. O São Paulo é muito forte, qualificado. Entendemos e nos adaptamos.

Titular na partida, o atacante Marcos Paulo marcou o segundo gol da vitória e foi elogiado por Marcão. O treinador afirmou que o jovem voltou à equipe titular por merecimento e vem tendo boas atuações.

O Marcos fez outra excelente partida. Desde o momento em que ele voltou, voltou por merecimento. Nos treinamentos, ele respondeu à altura. Nos jogos, nos ajudou bastante. No último jogo, a bola não entrou, mas hoje ele foi brilhante. Sofreu demais no jogo passado, como todos. Mas entendeu o tamanho da responsabilidade. Estamos representando uma torcida gigante.

Fora da equipe desde junho, quando rompeu ligamento do joelho, o zagueiro Matheus Ferraz viajou para São Paulo com a delegação. A atitude do jogador foi exaltada pelo comandante do Tricolor.

O Matheus é uma pessoa formidável. Enxerga algo que muitas pessoas não enxergam. Não pode atuar por conta da lesão, mas passa uma energia muito boa. Tem o respeito de todo o grupo. Entende o que é vestir essa camisa. Passou a mensagem para todos nós e vai nos acompanhar sempre que possível”, encerrou.

O próximo compromisso do Tricolor é contra o Internacional. A partida, válida pela 32ª rodada do Brasileirão, será no domingo (10), às 16h, no Beira-Rio. O Fluminense é o 15º colocado, com 34 pontos conquistados.

VAVEL Logo