Brasil e França duelam por uma vaga na final do Mundial Sub-17
Foto: Alexandre Loureiro/ CBF

A noite desta quinta-feira (14) promete a melhor partida do Mundial sub-17. Invictos, Brasil e França jogam a semifinal da competição às 20h, no estádio Bezerrão em Distrito Federal. Com a volta do meio campista do Grêmio, Diego Rosa, o treinador Dalla Déa prega regularidade para o confronto.

"Tem que ser um jogo de extrema inteligência. Tem que ter um nível de concentração muito alto, de atenção. Não vamos mudar nossas características, os atletas estão preparados. É uma semifinal, mexe com os ânimos. Mas os jogadores chegaram bem, com consistência", explica o treinador.

As campanhas dos adversários são parecidas, ambos venceram as cinco partidas. No entanto, o Brasil aposta na pressão inicial para conseguir a vantagem, pois em quatro oportunidades a seleção saiu na frente antes dos vinte minutos.

França

Recém goleado a Espanha por 6 a 1, a França tem como característica principal o setor ofensivo. Com 17 gols em cinco partidas, os franceses concentram suas maiores esperanças no artilheiro Nathanael Mbuku, que pertence ao Stade de Reims e tem 4 gols no torneio.

Brasil

Sem Thalles Magno, que lesionado já está no Rio de Janeiro, o elenco de Dalla Déa ganha o retorno do meia Diego Rosa, que deve assumir a vaga de Talles Costa. Contando com a dupla de ataque responsável por 6 gols no campeonato, os destaques Kaio Jorge, do Santos, e João Peglow do Inter, são as referências do time.

Confronto

Marcado para o estádio Bezerrão, que pertence ao Gama/DF, aproximadamente 20 mil torcedores poderão presenciar a partida mais badalada do torneio. "Donos da casa", a seleção brasileira terá de superar os juniores do maior carrasco da amarelinha em Copas do Mundo.

Para a partida, a seleção deve começar com: Matheus Donelli, Yan, Henri, Luan Patrick e Patryck; Daniel Cabral, Diego Rosa, Pedro Lucas e Gabriel Veron; Kaio Jorge e João Peglow.

Já a França deve ir a campo: Melvin Zinga, Timothee Pembele, Chrislain Matsima, Nianzou Kouassi e Brandon Soppy; Waniss Taibi, Adil Aduchiche e Naouirou Ahamada; Georginio Rutter, Nathanael Mbuku e Isaac Lihadji.

Semifinal

O primeiro finalista da competição sairá antes da partida Brasil x França, pois às 16h30 a seleção holandesa enfrenta o México. Com o artilheiro do campeonato Sontje Hansen (6), a laranja mecânica entra em campo como a favorita.

MEDIA: 5VOTES: 1
VAVEL Logo