Rafael Sóbis despreza rótulos e revela busca por conquistas no Ceará
Foto: Wilton Hoots/Ceará SC

O Ceará investiu bastante em qualificar o elenco para a disputa da temporada de 2020. Na tarde desta quinta-feira (16), duas das maiores contratações feitas pela diretoria para o ano corrente foram oficialmente apresentados como jogadores do Alvinegro de Porangabuçu. O atacante Rafael Sóbis chegou após não ter vínculo renovado com o Internacional e desembarcou na capital cearense no início da semana. Em sua primeira entrevista coletiva como jogador do clube, o atleta destacou que pretende manter o alto nível e ser personagem importante na conquista de títulos.

“Todos os clubes onde passei tive a felicidade de ter um grupo bom e ser campeão. No Ceará, espero mais um título na carreira. Me sinto muito honrado e muito orgulhoso de poder representar um grupo tão grande. A expectativa é de títulos, esse sempre foi o meu trabalho. O ano é bom, o clube está investindo muito, espero que todos os jogadores que chegaram se adaptem bem. Não quero ter nenhum privilégio, vou ser mais um soldado. Quero ajudar dentro de campo, com minha experiência que talvez os meninos não tenham passado. Apenas devo ter vivido algumas coisas a mais do que alguém, mas só isso. Quero entender o pensamento do nosso treinador e a filosofia do clube”, afirmou.

Com boas passagens por Internacional, Fluminense e Cruzeiro, além dos títulos grandiosos conquistados no futebol brasileiro e estrangeiro, Rafael Sóbis deixou bem claro que está disposto a ser bem participativo no esquema tático, em consonância com a evolução de um jogador e do futebol como um todo.

Jogaria de costas, desde que a gente treine isso. Futebol evoluiu e o jogador tem que ser inteligente. Quero me adaptar o mais rápido possível, todos os jogadores estão se empenhando. Não tenho nenhuma meta individual. Não adianta ser artilheiro e não ser campeão. Quero ficar na história com títulos. O fato de estar aqui, buscando um novo desafio, em um projeto tão grande, mostra a minha vontade. Não vai faltar preparação, nem empenho, para que eu possa matar essa minha fome de grandes conquistas no final do ano”, concluiu.

Fernando Prass, novo goleiro do Ceará | Foto: Wilton Hoots/Ceará SC
Fernando Prass, novo goleiro do Ceará | Foto: Wilton Hoots/Ceará SC

Outro experiente atleta que se junta ao elenco do Vozão é o goleiro Fernando Prass. Após sete anos no Palmeiras, o arqueiro afirma que o desafio de permanecer em alto nível com boa quantidade de jogos disputados o faz manter a concentração para dar seu melhor em campo, mesmo aos 41 anos de idade.

“Sou apaixonado pelo que faço. Alguns falam que o trabalho de goleiro é difícil. Tenho saúde e disposição. Quando chega em uma idade, o jogador tem um período de atuação e não consegue mais. O Ceará é um novo desafio, um mercado onde não trabalhei. Por mais que tenha vencido em outros lugares, quero marcar meu nome aqui também no Ceará. Para mim, a liderança sempre foi algo natural. Já passei por algumas situações onde precisei de ajuda de alguém mais velho e, hoje, a situação se inverteu. Posso contribuir com os mais jovens, quando passarem por momentos bons e ruins. Em qualquer lugar do mundo, você fica marcado pelos títulos que conquista. Para marcar o seu nome em um clube, você precisa vencer e eu espero alcançar isso aqui também”, explicou.

O Ceará tem quatro competições a serem disputadas na temporada de 2020: o Campeonato Cearense, a Copa do Brasil, a Copa do Nordeste e o Campeonato Brasileiro da Série A. O time disputa seu primeiro jogo oficial no domingo (26), quando enfrenta o Frei Paulistano pela abertura do Nordestão, na Arena Castelão, em Fortaleza/CE.

VAVEL Logo