Atrás no placar, Corinthians enfrenta Guaraní-PAR pela pré-Libertadores
Foto: Divulgação/Club Guaraní

É Libertadores! Nesta quarta-feira (12), o Corinthians recebe o Guaraní do Paraguai pela Copa Libertadores da América, às 21h30, na Arena Corinthians. No primeiro jogo, o Guaraní venceu por 1 a 0, com gol de Morel.

O jogo tem a famosa regra do gol fora. Isso é: se o Corinthians levar um gol, precisaria fazer três. O Timão terá de vencer por dois gols de diferença para passar de fase. Com um gol, sem sofrer gols, o Corinthians leva para os pênaltis. Qualquer resultado com vitória corintiana por um gol de diferença, passa o Guaraní.

Nestor Pitana irá apitar a partida de hoje na Arena Corinthians, com ajuda de Juan Pablo Belatti e de Julio Fernandez. E, para hoje, o Corinthians tem uma previsão de mais de 40 mil torcedores na Arena. Já são 38 mil vendidos.

Pedrinho é a esperança

Depois de ajudar o Brasil no pré-olímpico, o meia Pedrinho volta ao Corinthians já como a esperança do time para a classificação na Libertadores. Ao lado de Luan e Boselli, Pedrinho é o “fator novo” da partida.

Não podendo ainda atuar na partida, Yony González é o novo atacante do Corinthians. Yony chega por empréstimo de seis meses e depois será comprado pelo Timão. São 13 milhões de reais aproximadamente que o alvinegro irá pagar pelo atacante.

O Corinthians tem oito desfalques para a partida. Ramiro se recupera de um estiramento muscular e Danilo Avelar ainda se recupera de uma pubalgia. E Yony González, Léo Santos, Araos, Marllon, Davó e Carlos Augusto não estão inscritos na competição e fecham a lista.

Os prováveis 11 do Timão são: Cássio, Fagner, Pedro Henrique, Gil e Lucas Piton; Camacho, Cantillo, Pedrinho, Luan e Everaldo; Boselli.

Invictos

O Guaraní tem uma estatística curiosa para a partida de hoje. Contra o Corinthians, o Cacique não sofreu derrotas e não sofreu gols para o rival. São três jogos, três vitórias e quatro gols para o Guaraní.

Bobadilla, atacante do Guaraní, deu o tom de como será o jogo contra o Corinthians, em entrevista para o programa Fútbol a lo Grande, da rádio Monumental: “Vamos para ganhar do Corinthians, não vamos segurar o empate”.

E o técnico do Guaraní, Gustavo Costas, mostrou como será seu jogo para a decisão, também mostrando conhecimento sobre o jogo desempenhado pelo Timão: “Será uma partida difícil e complicada. Temos que fazer um jogo inteligente e não nos fecharmos atrás. Temos que ter muita gente no meio de campo e jogar mais na metade do campo, pois eles começam o jogo com Cantillo e Camacho”.

Sem desfalques, o Guaraní deve repetir a escalação da primeira partida, que será: Servio, Iván Ramírez, Báez, Romaña e Guillermo Benítez; Morel, Cáceres, Ángel Benítez, Florentín e Edgar Benítez; Fernando Fernández.

VAVEL Logo