Cruzeiro sofre contra São Raimundo, mas pratas da casa garantem classificação em Roraima
Foto: Reprodução Redes Sociais

Maior campeão da Copa do Brasil, o Cruzeiro foi à Roraima enfrentar o São Raimundo em partida classificatória pela primeira fase da competição. O confronto que levou sustos para a torcida mineira, teve um final feliz para o time de Adilson Batista após o empate por 2 a 2 no estádio canarinho.

A movimentada partida teve o primeiro gol marcado pelos mandantes. Aos 25 minutos do primeiro tempo, Alex cobrou falta, Betão desvia e Veracruz inaugurou o marcador em posição duvidosa. Logo em seguida, a resposta cruzeirense veio do zagueiro Edu, que na área ofensiva roubou a bola do marcador, e com leve desvio, fez seu primeiro gol como profissional.

Com Judivan em campo, principal responsável pelas investidas do Cruzeiro na segunda etapa, o atacante Alexandre Jesus deixou o time visitante em vantagem após a finalização de Maurício, logo no reinício de jogo. No entanto, a pressão do São Raimundo-RR custaria grandes sustos aos cruzeirenses. Aos 19 minutos, Alex finalizava, e após a bola passar pela dupla de zaga mineira, Stanley, que também saiu do banco de reservas, empataria a partida.

O drama da raposa aumentaria em meados de 32 minutos de jogo na segunda etapa. Autor do primeiro gol, Edu receberia um novo cartão amarelo, e consequentemente estava expulso da partida, deixando o Cruzeiro com um a menos restando 10 minutos de decisão.

Segurando as investidas do São Raimundo-RR, o Cruzeiro manteve o empate, sendo assim, está classificada para a segunda fase, onde enfrentará o Boa Esporte, em um duelo mineiro na Copa do Brasil.

VAVEL Logo