Estreia de gramado sintético e de Matías Viña: Palmeiras recebe Mirassol com novidades
Foto: Divulgação/SE Palmeiras

Pela 6ª rodada do Campeonato Paulista, o Palmeiras recebe o Mirassol na volta para o Allianz Parque, na tarde deste sábado (16), às 16h.

Salim Fende Chavez será o juiz da partida, junto com os bandeirinhas Daniel Paulo Ziolli e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa.

Para a partida, são mais de 19 mil ingressos vendidos antecipadamente, com o setor gol norte, das organizadas, já esgotado.

Estreia de Viña e do gramado novo

Vice-líder de seu grupo, com 10 pontos, empatado com o Novorizontino, o Palmeiras vê o Santo André disparar na liderança, com 15 pontos. Mas uma vitória do alviverde hoje já coloca o Verdão perto do Santo André, ficando dois pontos atrás.

A partida será marcada por estreias. Matías Viña, novo lateral-esquerdo, será o titular da partida. Além disso, a novidade de hoje será o gramado sintético, recentemente colocado no Allianz, com o objetivo de fazer o Palmeiras mandar mais jogos em seu estádio, coisa que não ocorre por conta dos constantes shows que lá são feitos.

Sem Marcos Rocha e Ramires, lesionados, e Dudu suspenso, o Palmeiras vai com: Weverton, Mayke, Felipe Melo, Gustavo Gómez e Matías Viña; Patrick de Paula, Zé Rafael e Lucas Lima; Willian, Gabriel Veron e Luiz Adriano.

Invictos

O Mirassol soma nove pontos na competição, empatado com Inter de Limeira e São Paulo no grupo C. O Leão tem a chance de se distanciar dos dois adversários com uma vitória, que o daria a liderança. Além disso, o Leão é um dos dois invictos na competição.

Além dele, o Novorizontino, no grupo do Palmeiras, é o outro invicto. O Mirassol soma duas vitórias e três empates, enquanto o Novorizontino, que já jogou na rodada, soma duas vitórias e quatro empates.

Sem desfalques para a partida, o técnico Ricardo Catalá aposta mais uma vez na dupla Camilo e Chico para conseguir um bom resultado fora de casa.

O provável Mirassol é: Kewin, Daniel Borges, Luiz Otávio, Reniê e Romário; Neto Moura, Luís Oyama e Camilo; Chico, Maranhão e Rafael Silva.

VAVEL Logo