Na Bolívia, Abel Braga aposta em sequência do Vasco para buscar classificação sobre O. Petrolero
Germán Cano marcou o gol da vitória em São Januário. (Foto: Reprodução / Vasco)

Na noite desta quarta-feira (19), o Vasco vai até a Bolívia enfrentar o Oriente Petrolero pelo segundo jogo da primeira fase da Copa Sul-Americana. A equipe carioca joga pelo empate após vitória por 1 a 0 em São Januário.

O jogo é importantíssimo para o futuro Cruzmaltino. Além do âmbito esportivo, com uma classificação para a próxima fase da competição internacional, o Vasco joga pela premiação paga pela Conmebol. Esse valor viria em excelente momento, devido as dificuldades financeiras vividas pela equipe de São Januário.

O Vasco

Para o jogo, o técnico Abel Braga deve repetir a equipe que vem jogando as últimas partidas, considerada titular pelo treinador. Após passagem pela seleção pré-olímpica, o zagueiro Ricardo Graça volta a ser relacionado. Guarín e Fellipe Bastos, que renovaram recentemente seus contratos com o clube, seguem fora pois não foram inscritos nesta fase.

Germán Cano, autor do gol da vitória no primeiro jogo, é o grande nome vascaíno para o confronto. Visando driblar as dificuldades de um jogo na Bolívia, ainda que sem altitude, o Vasco chegou ao país vizinho com dois dias de antecedência.

O que o Cruzmaltino não quer é enfrentar os mesmos problemas do jogo contra o Jorge Wilstermann pela Libertadores em 2018. Após vencer em São Januário por 4 a 0, o Vasco enfrentou sérios problemas na altitude de Sucre e foi goleado por 4 a 0, levando a disputa para a decisão por pênaltis.

Provável escalação do Vasco: Fernando Miguel, Yago Pikachu, Leandro Castán, Werley e Henrique; Raúl, Andrey e Marcos Júnior; Marrony, Talles Magno e Germán Cano.

E o Oriente Petrolero?

Ao Oriente Petrolero, só a vitória interessa. A equipe tem conseguido resultados positivos na temporada e vem de uma goleada por 5 a 1 sobre o Real Santa Cruz. Embalado assim, a equipe do técnico Pablo Sanchez vai com tudo em busca da classificação.

Provável Oriente Petrolero: Rodrigo Banegas; Widen Saucedo, Daniel Franco, Brayan Calderón, Alan Mercardo; Daniel Rojas, Jaime Carreño, Samuel Pozo, Carlos Soliz; Oscar Salinas, Marco Bueno.

VAVEL Logo