Bruno Henrique e Rodrigo Caio têm lesões confirmadas e desfalcam Flamengo
Foto: Lívia Villas Boas / Conmebol

A quinta-feira (20) guardou más notícias para o Flamengo. Um dia após o primeiro jogo da Recopa Sul-Americana, contra o Independiente del Valle, o atual campeão da Libertadores confirmou que Bruno Henrique e Rodrigo Caio têm lesões que o impedem de entrar em campo nas próximas partidas. No entanto, o tempo da ausência de ambos ainda não foi divulgado.

No caso do atacante camisa 27, uma lesão no ligamento colateral medial do joelho direito foi constatada, além de um estiramento na cápsula póstero lateral. Por mais que esses nomes possam causar um certo espanto, não há necessidade de fazer alguma cirurgia no jogador. Existia o temor por parte do Departamento Médico (DM) de uma fratura no pé de Bruno Henrique, mas não foi vista.

Ilustração da lesão de BH27 (Foto: domínio público)

Já a lesão do zagueiro camisa 3 é no músculo adutor da coxa esquerda. Dessa forma, ele já começou tratamento por fisioterapia, a exemplo de BH27. Por precaução, ainda haverá novos exames nos dois atletas para um maior detalhamento e acompanhamento do DM flamenguista.

Ilustração da lesão de Rodrigo Caio (Foto: domínio público)

Este é um momento chave para o Flamengo em 2020, cercado de finais. Além da Supercopa do Brasil, que já foi vencida pelo time de Jorge Jesus, ainda há a decisão da Taça Guanabara, contra o Boavista no sábado (22), e o confronto de volta da Recopa, contra o próprio Independiente del Valle na quarta-feira (26). Assim, Léo Pereira na zaga e Pedro no ataque devem aparecer como titulares nas datas a seguir.

VAVEL Logo