Desencantou! CSA goleia Coruripe e encerra um mês de resultados negativos
Allano, artilheiro do CSA em 2020, deixou sua marca contra o Coruripe | Foto: Augusto Oliveira/CSA

Foram sete jogos com resultados ruins. Um mês de troca de técnicos, mudanças no elenco, eliminações lamentáveis e insatisfação generalizada da torcida. Pelo menos no resultado, a vitória apareceu. O CSA encerrou a má fase com uma goleada sobre o Coruripe por 4 a 0. Renatinho, Rodrigo Pimpão, Allano e Gustavo Hebling marcaram os gols da partida válida pela quinta rodada do Campeonato Alagoano 2020, disputada neste sábado (29), no Estádio Rei Pelé, em Maceió/AL.

Foto: Augusto Oliveira/CSA
Foto: Augusto Oliveira/CSA

O resultado serviu para dar confiança. A atuação não foi a melhor de todas, mas a equipe taticamente organizada dava indícios de que apresentaria um desempenho melhor do que os confrontos anteriores. Mais uma vez, o lado direito foi bastante acionado, principalmente por cruzamentos, que não davam certo. Aos 18 minutos, o momento mais preocupante. Palhinha, meia do Coruripe, disputou bola com Jean Cléber próximo à área e levou a pior. Ficou desacordado, recebeu atendimento médico das duas equipes e foi levado a uma unidade hospitalar de ambulância. O jogo ficou paralisado por nove minutos e o meia foi liberado momentos depois.

A saída de Palhinha abateu o Coruripe. O Hulk não tinha mais a cabeça pensante e que sabia distribuir bem as poucas vezes que o time ia ao campo ofensivo. Aos 42 minutos, Rafinha cobrou escanteio e Rafael Bilu aproveitou sobra para emendar chute de primeira, mas mandou por cima. Três minutos depois, a jogada se repetiu, mas foi a vez de Alan Costa cabecear sobre a meta defendida por Gustavo. Os visitantes responderam com muito perigo aos 49, quando Jonas avançou em contragolpe pela direita e bateu cruzado, para o fundamental desvio de Thiago Rodrigues. Mas, no último lance da primeira etapa, o placar foi aberto. Rafael Bilu cruzou da esquerda, Yago escorou de cabeça e Renatinho aproveitou a liberdade na área para balançar as redes.

Foto: Augusto Oliveira/CSA
Foto: Augusto Oliveira/CSA

O gol do CSA mudou o panorama do jogo. Melhor para os azulinos, que mantiveram o embalo. Logo aos quatro minutos, belo passe em profundidade de Diego Renan para Rodrigo Pimpão. O atacante teve o trabalho de finalizar na saída de Gustavo e ampliar a vantagem. Aos oito, veio o terceiro. Pimpão se desvencilhou da marcação adversária e deu passe para Jean Cléber. O volante entrou na área e rolou para Allano completar às redes.

Com a vitória definida, restou o controle da partida, a manutenção da posse de bola, aliada ao desgaste físico e psicológico do time alviverde. Aos 22, Rodrigo Pimpão tentou marcar mais um, mas o goleiro Gustavo espalmou o forte chute. O Hulk tentou diminuir a diferença quando a defesa azulina vacilou, André driblou Thiago Rodrigues, mas errou. Quem balançou as redes novamente foi o CSA. Aos 48 minutos, lindo lançamento de Rafael Bilu para Gustavo Hebling que dominou e marcou na saída de Gustavo para fechar o jogo.

Foto: Augusto Oliveira/CSA
Foto: Augusto Oliveira/CSA

Com o resultado, o Azulão do Mutange assume a segunda colocação temporariamente, com dez pontos, e segue na cola do líder Murici, com um ponto a mais. O Hulk perdeu a invencibilidade no Campeonato Alagoano e permanece na quarta colocação, com seis pontos. Ainda sem datas definidas, o Coruripe recebe o CRB novamente no Estádio Rei Pelé, em Maceió/AL, e o CSA tem clássico contra o ASA no Estádio Municipal Coaracy da Mata Fonseca, em Arapiraca/AL. Certo é que o time azulino enfrenta o Fortaleza às 18 horas do próximo sábado (7), na Arena Castelão, em Fortaleza/CE, pela sexta e antepenúltima rodada da fase de grupos da Copa do Nordeste.

VAVEL Logo