Com dois gols de Guerrero, Internacional goleia Universidad Católica na Copa Libertadores
Paolo Guerrero durante a partida contra a Universidad Católica pela primeira rodada do Grupo E da Copa Libertadores (Foto: Reprodução/Twitter S.C. Internacional)

Internacional e Universidad Católica se enfrentaram nesta terça-feira (3), no Beira-Rio, pela primeira rodada do Grupo E da Copa Libertadores. Com dois gols de Guerrero e um de Marcos Guilherme, o Inter goleou os visitantes e estrearam com vitória na fase de grupos da competição.

Intensidade Colorada

O Internacional criou uma chance real de gol logo aos três minutos de jogo. Após receber de Guerrero, Thiago Galhardo encontra Marcos Guilherme na pequena área e finalizou na saída do goleiro, mas a bola foi para fora. 

O Inter não se abalou com o gol perdido logo no começo da partida e manteve a pressão. Aos oito, Rodinei encontrou Thiago Galhardo dentro da área e o meia desviou de letra. Por pouco a bola não entrou. Seria um golaço de Galhardo! 

Na sequência, mais uma chance para os mandantes. Uendel recebeu e finalizou rasteiro para o gol e Dituro salvou a Universidad Católica. Na sombra, Thiago Galhardo concluiu, mas a defesa da equipe chilena tirou em cima da linha.

Jogando em casa, o Internacional aproveitou o incentivo da torcida e não se acanhou em propor jogo e não deu espaços à Universidad Católica criar oportunidades. Com marcação alta e pressionando no campo do adversário, Guerrero, aos 24 minutos, aproveitou erro na saída de bola de Fuenzalida e mandou uma bomba, mas a bola saiu pelo lado esquerdo de Dituro.

Chuva de gols!

Como na primeira etapa, o Inter tentou tirar o zero do marcador logo no início. Aos sete minutos, Uendel vai à linha de fundo, cruza e encontra Thiago Galhardo na área. O meia concluiu, mas a defesa tirou a bola embaixo do gol. Mais uma chance de perigo para a equipe de Eduardo Coudet.

Mesmo com diversas oportunidades de gol e muita pressão sob o adversário, o Internacional inaugurou o placar apenas aos 16 minutos. Guerrero cobrou falta, a bola desviou na barreira e morreu no fundo do gol. 

O atacante peruano ainda ampliou o placar aos 21 minutos. Dituro saiu jogando mal, Thiago Galhardo aproveitou o vacilo e rolou para o camisa nove do Inter fazer o segundo dele e da partida.

O excesso de gol na segunda etapa supriu a falta de bola na rede no primeiro tempo. Aos 25, Guerrero tocou para Marcos Guilherme dentro da área para finalizar e fazer o terceiro do Internacional no Beira-Rio.

A equipe de Coudet ainda teve a oportunidade de fazer o quarto na partida. Aos 41 minutos, Gustavo, que entrou no decorrer da partida e fazia sua estreia na Libertadores com a camisa do Internacional, saiu na cara de Dituro, mas finalizou por cima do gol.

Como fica?

Com a vitória, o Inter assume a primeira colocação do Grupo E, de maneira provisória, devido ao saldo de gols. Já a Universidad Católica, consequentemente, ocupa a lanterna da chave.

VAVEL Logo